Fabricante de móveis para crianças Divicar lança nova linha - eMobile

Fabricante de móveis para crianças Divicar lança nova linha

Produtos da marca são reconhecidos pela segurança e contam com sistema anti-tombamento e tinta atóxica

Publicado em 6 de Março de 2018 | 17:06 |Por: Luis Antônio Hangai

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

A fabricante de móveis para crianças, Divicarlançou no começo deste ano a linha Bee, composta por um berço, duas opções de cômodas e roupeiro. O mobiliário infantil é feito todo em MDF, com pintura atóxica para segurança do bebê, em cores suaves e detalhes madeirados.

O berço, peça central do conjunto, conta com três regulagens de altura no estrado e dispõe de um sistema auxiliar antirrefluxo pneumático, permitindo manter o bebê inclinado. Também pode ser transformado em uma minicama, acompanhando o crescimento da criança até cinco ou seis anos (a depender do tamanho de cada uma delas) e estendendo a vida útil do móvel.

– Conheça os cuidados ao vender móveis para crianças

As cômodas estão disponíveis em opções de quatro ou oito gavetas que podem ser acopladas em qualquer espaço. O roupeiro é composto por quatro portas, duas gavetas com trilhos telescópicos, dois maleiros, um cabideiro e três prateleiras fixas. A linha Bee ainda possui opção de usar pé palito no berço e nas cômodas.

Móveis para crianças com foco em segurança

Um dos principais diferenciais dos móveis para criança da Divicar é a segurança. Conforme pesquisa do Ministério da Saúde, a cada ano, mais de 100 mil delas são internadas em hospitais da rede pública por causa de acidentes ocorridos dentro de casa (afogamentos, quedas, queimaduras e intoxicações são as principais causas).

Divulgação Divicar

móveis para crianças - linha bbe da divicar

Exemplo de cômoda com oito gavetas, 100% em MDF e detalhes amadeirados

Sabendo que os pequenos podem se pendurar no mobiliário, a marca desenvolveu um dispositivo anti-tombamento para os seus produtos, evitando a queda dos móveis sobre crianças. O sistema consiste na fixação do móvel na parede com uma corrente. As gavetas também contam com uma presilha de fixação. Caso a criança resolva entrar a gaveta, ela não cairá.

“O berço se transforma em minicama e pode ser usado até cinco ou seis anos dependendo o tamanho da criança. Também tem o dispositivo do fundo da cômoda se o bebê entrar a gaveta não afunda e na cômoda temos o dispositivo anti-tombamento criamos isso depois do episódio que aconteceu com uma marca estrangeira, que foi amplamente divulgado”, afirma o diretor comercial da Divicar, Carlos Carvalho.

Falecimento de bebês causado por queda de móveis são raros, mas não impossíveis. No exterior, a fabricante sueca de móveis Ikea já vitimou oito crianças, que morreram esmagadas por cômodas e outras peças de mobília da marca. Os casos foram amplamente divulgados pela imprensa.


Os comentários estão desativados.

eMobile