Especialista comenta sobre erros comuns cometidos nas vendas

Antipatia e a falta de conhecimento em produtos e serviços são alguns dos erros observados pelo presidente da IBVendas, Mario Rodrigues

Publicado em 3 de outubro de 2018 | 10:17 |Por: Ricardo Heidegger

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Considerada por muitos uma arte, a venda normalmente exige o uso de técnicas, desde o momento da aproximação ao cliente até o acompanhamento da satisfação com o produto ou serviço adquirido. Da mesma forma que a presença de técnicas pode garantir a fidelidade do comprador, a ausência delas também pode prejudicar a negociação e também fazer com o cliente não retorne à loja ou ao site, já que o e-commerce é cada vez mais crescente. Pensando em como aprender a vender, o diretor do Instituto Brasileiro de Vendas (IBVendas), Mário Rodrigues, comenta sobre alguns erros comuns cometidos nas vendas no varejo.

O primeiro problema apontado é no quesito comportamental. De acordo com o especialista, a antipatia é um problema grave, já que tão importante quanto estar com a aparência bem cuidada é criar a identificação com o comprador logo de cara, levando em conta que o tempo para se vender é cada vez menor. “Agir de acordo com o perfil de cada cliente é fundamental para que a confiança seja gerada. Ganhar a confiança já é um grande passo para que o negócio seja fechado”, comenta.

Clichê atrás de clichê já deixou de ser algo agradável, na visão do profissional. No cenário atual, o cliente não suporta mais o vendedor com discurso pronto. Para evitar esse erro, o profissional que está bem preparado, com informações sobre o produto e capaz de entender a real necessidade do comprador recebe muito mais atenção, de acordo com o diretor.

Falta de conhecimento sobre o produto ou serviço é outro fator que compromete a situação do vendedor. “Em uma época em que a internet está ao alcance de todos e as informações são cada vez menos confidenciais, o comprador pode muito bem obter detalhes sobre o que procura sem mesmo sair de casa. Portanto, um vendedor superficial já não tem mais espaço. Prepare-se, estude e passe algo de diferente a quem está procurando por você”, aponta.

– Caemmun é certificada como uma das melhores empresas para se trabalhar

Por fim, o diretor do IBVendas acrescenta que invadir o espaço do cliente, é no mínimo inconveniente, sendo um dos erros comuns cometidos nas vendas. Abordar, perguntar e ficar sempre à disposição são soluções.”Saiba ouvir, espere pelo diálogo e lembre-se, o vendedor é um solucionador de problemas, que está ali para ajudar quem o procura a suprir as necessidades, e não um adivinha, com perguntas e sugestões no momento errado”, finaliza Rodrigues.

(com informações de assessoria)


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

eMobile