Aramados nos móveis sob medida são complementares e funcionais

Incluir aramados nos móveis sob medida permite aproveitar melhor o espaço, além de tornar a peças mais funcionais e interessantes

Publicado em 17 de outubro de 2018 | 8:00 |Por: Thiago Rodrigo Pereira da Silva

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Sob o ponto de vista do usuário, acessórios aramados nos móveis sob medida bem aplicados significam mais possibilidades no uso, funcionalidade extra com praticidade e eficiência no dia a dia. Por isso, o fornecedor deste produto procura entender tanto o seu cliente – o marceneiro e as indústrias moveleiras – quanto o consumidor final, para poder oferecer produtos atraentes, resistentes, funcionais e, para o marceneiro, principalmente fáceis de instalar. Mais do que detalhes suaves de metal, esses acessórios podem aumentar o espaço útil do mobiliário, facilitar a organização de objetos e, também, embelezar o móvel de marcenaria.

Por serem itens funcionais, os aramados podem ser incorporados a praticamente qualquer tipo de móvel para qualquer ambiente “uma vez que suas peças podem ser adaptadas a diferentes situações de uso e finalidades, de acordo com a necessidade do usuário”, explica o gerente de operações da fabricante Masutti Copat, Rodrigo Copat. Ainda assim, peças projetadas para cozinhas, áreas de serviço e dormitórios costumam exigir mais esse tipo de acessório, além de projeto e instalação bem pensados.

Divulgação Piva

Piva - aramados no móvel sob medida

Soluções para cozinha vão das mais simples e funcionais até as mais sofisticadas

Decidir que aramados nos móveis sob medida usar, em que móvel e para que parte da casa depende muito mais do que o cliente deseja e do conhecimento do marceneiro sobre o que realmente pode ser feito dentro de um projeto de mobiliário. Para isso os fornecedores do produto realizam sua parte proporcionando o máximo de informações técnicas sobre os acessórios, suas finalidades e características e a forma correta de instalar para que, juntos, marceneiro e cliente tomem decisões esclarecidas que atendam às expectativas do usuário e permitem ao profissional realizar o trabalho da forma mais eficiente.

Isso é executado com a oferta de catálogo de produtos, um dos canais para que o marceneiro conheça de antemão suas opções ao projetar as peças e também possa apresentá-las aos clientes. Os fabricantes de aramados também costumam receber marceneiros em suas instalações, “para visitação e aperfeiçoamento de seus conhecimentos”, comenta o gerente comercial da Piva Aramados, Juliano Marcon.

Desta forma, o marceneiro pode receber treinamento direto com o fornecedor acerca de como explorar o melhor que cada produto tem a oferecer. “A Masutti Copat oferece capacitação in loco, bem como atendimento por telefone, pois na maior parte das vezes em que surge uma dúvida e uma rápida ligação telefônica a resolve”, conta.

Útil e agradável

Por terem como função organizar, armazenar e sustentar objetos da casa, os aramados precisam ter um padrão de qualidade bem determinado para que possam ser aplicados a uma variedade de peças. Copat, da Masutti Copat, diz que diversos itens são observados, desde quesitos estéticos até os diretamente relacionados com a durabilidade e funcionalidade. “Entre os parâmetros, podemos destacar um bom acabamento superficial, seja ele cromagem, pintura ou eletropolimento. Além disso, é importante que a peça esteja no esquadro, ou seja, as medidas do produto são padronizadas, sem variações”, esclarece.

Marcon, da Piva, resume os aspectos que definem a qualidade dos aramados nos móveis sob medida. “[O aramado de qualidade] tem matéria-prima de origem, processo produtivo eficiente de modo a evitar retrabalho, acabamento perfeito e agilidade para atender os clientes”, enumera.

E além de manter tudo em ordem e aproveitar o máximo do espaço proporcionado pela estrutura do móvel, os aramados nos móveis sob medida também contribuem para a aparência da peça acabada. Podem funcionar como itens decorativos – como os aramados com acabamento branco acetinado da Piva. “Por ser uma cor atemporal neutra, quando utilizada, confere um efeito tom sobre tom integrado ao interior do móvel, além de compor de forma versátil com outras cores de destaque que inspiram elegância e modernidade”, descreve.

Divulgação Masutti Copat

Masutti Copat - aramados no móvel sob medida

Nos dormitórios, sapatos são o foco de aplicação dos aramados para organização do ambiente

O diretor comercial da Dimec, Marcos Mendonça, também percebe essa tendência de metais menos chamativos, resultando em um projeto mais limpo e discreto, e que fazem a diferença. “Acreditamos em uma tendência mais clean, com linhas mais retas, porém mantendo a funcionalidade de cada item”, aponta.

Aplicação dos aramados nos móveis sob medida

Para inserir os aramados nos móveis sob medida, é sempre importante um manual de instrução completo e bem feito. E os fornecedores trabalham bastante nisso, descrevendo as características técnicas dos itens, sua profundidade e seus usos mais indicados, bem como a instalação correta de acordo com seu emprego.

De acordo com Rodrigo Copat, a instalação dos aramados nos móveis sob medida deve começar por ler e consultar o manual de instruções que acompanha os acessórios e fornece informação fácil e precisa sobre como aproveitar ao máximo o potencial desses metais. “Instalar corretamente permite que os produtos ofereçam boa qualidade e, principalmente, previne problemas de funcionalidade e até mesmo danos ao móvel, no caso de uma instalação executada de forma equivocada e que precisa ser reparada”, ressalta.

Divulgação Dimec

Dimec - aramados no móvel sob medida

Opções para outros espaços são variadas, dando um charme ao ambiente

O diretor de operações aponta ainda que a inclusão desses acessórios, apesar de relativamente simples, requer que o marceneiro utilize ferramentas adequadas de qualidade, para que o produto possa ser instalado no esquadro e bem regulado. “Dessa forma, o utilitário poderá desempenhar plenamente sua função. Também indicamos, sempre, consultar o manual de montagem que acompanha os nossos produtos, antes de iniciar a instalação. Assim é possível identificar e esclarecer possíveis dúvidas antes de o processo de montagem estar em andamento”, enfatiza.

Mendonça, da Dimec, também salienta que o cuidado começa por conhecer bem o acessório e como ele funciona acoplado ao móvel. “É importante estar atento às medidas do produto e ao tipo de dobradiça que será usada, pois isso implica na distância dos itens com a frente do móvel”, adverte.

Reportagem originalmente publicada na edição 98 da Móbile Sob Medida


Os comentários estão desativados.

eMobile