Fornecedor 286 - page 11

FORNECEDORES |
286
11
de 50,1 pontos para 42,4 pontos.
Quanto a percepção dos próximos
seis meses, apesar de ainda estar
acima dos 50 pontos, houve
queda de 5 pontos na passagem
do mesmo período (58,2 para
53,2).
Em relação à própria empresa,
os executivos continuam com
um índice de 56,6 pontos, o que
demonstra otimismo. Todavia, em
relação à economia como um todo
o indicador figura em 46,6 pontos.
Apesar de generalizada geografica-
mente, o destaque negativo fica por
conta dos empresários industriais do
Sul e Sudeste (região com a maior
concentração de indústrias).
CAPACIDADE
OCIOSA
A greve dos caminhoneiros não
impactou somente a confiança
dos empresários, mas também
na produção, aumento da ocio-
sidade e acúmulo de estoques. A
Sondagem Industrial, divulgada no
dia 25 de junho pela CNI, mostra
que a produção nas indústrias caiu
1,6 ponto em maio e ficou muito
abaixo da linha divisória dos 50
pontos, que separa o aumento da
queda no indicador. A utilização da
capacidade instalada recuou para
63%, o que significa que a ociosi-
dade subiu para 37%.
O levantamento também mostra
que os estoques efetivos em
relação ao planejado subiu para
53,3 pontos em maio. O indi-
cador varia de zero a cem pontos,
e quando fica acima de 50 pontos
mostra que os estoques estão
acima do planejado. O emprego
também recuou no mês passado e
ficou em 48,3 pontos e se afastou
da linha divisória dos 50 pontos,
o que mostra queda do indicador.
“A paralisação dos transportes de
carga atingiu a atividade industrial
que já estava com dificuldades de
se recuperar”, afirma o economista
da CNI Marcelo Azevedo.
Na avaliação do professor de
economia da IBE Conveniada FGV,
Múcio Zacharias, o último ano de
crescimento significativo da indústria
foi em 2010. Depois disso, o indus-
trial vive um dilema entre investir ou
esperar a instabilidade interminável
do País passar. De acordo com o
economista, o grande problema é a
falta de apetite do empresário, pois
com a falta de demanda os custos
fixos se tornaram um verdadeiro
obstáculo, forçando o aumento
desordenando das dívidas, enquanto
o crédito ficou mais caro e escasso.
“Tudo para piorar o ambiente, nesse
cenário de baixa, a concorrência fez
loucura, o preço caiu e as margens
ficaram muito baixas. Em resumo,
Múcio Zacharias:
aprovações das
reformas da
previdenciária
e tributária são
necessárias
para incentivar
investimentos
e retomada da
economia
Divulgação
1...,2,3,4,5,6,7,8,9,10 12,13,14,15,16,17,18,19,20,21,...76
Powered by FlippingBook