Letras luminosas incentivam abertura da ‘Seu Kanto Decoração’

Empresa especializa-se na produção de peças peças decorativas como quadros, cofres e letreiros

Publicado em 22 de junho de 2016 | 9:37 |Por: Pedro Luiz de Almeida

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

 

Evelise Muncinelli

Microempresas

Após não conseguir encontrar um marceneiro que fizesse as letras luminosas, coube ao casal investir no “Faça Você Mesmo”

Aumento na taxa de desemprego pode não parecer mais novidade. Afinal, como mostrou o último levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgado no final de maio, o percentual de pessoas desocupadas chegou a 11,2%, maior índice desde 2012, quando começou o histórico da pesquisa. Como reflexo da crise e do aumento de demissões, o número de microempresas tem apresentado saldos positivos, visto que, muitas pessoas aproveitam o momento para investir em um negócio próprio.

Evelise Muncinelli

Microempresas

Produtos da “Seu Kanto” são vendidos na internet  para clientes de todo o Brasil

Consequência disso, é que o segmento de microempresas vem apresentando relativo aumento na geração de empregos, como mostra o Cadastro de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho e Previdência Social. Segundo ele, lideram o rank dos estados com maior saldo positivo de emprego nas microempresas, São Paulo (58,2 mil), Minas Gerais (14,6 mil) e Paraná (12,8 mil).

Oportunidade
Como exemplo deste cenário, o jovem casal Jean Carlos de Paula (29) e Ayelen Alejandra Correa (25), de Curitiba (PR), fez da crise uma oportunidade. Jean, após ser desligado da empresa em que trabalhava como designer, resolveu apostar em um negócio próprio. Junto com a sua noiva e agora sócia, fundaram  a ‘Seu Kanto Decoração Criativa’. Por meio do trabalho artesanal, nos fundos da casa eles confeccionam peças decorativas, como quadros, cofres e letreiros, contudo, para que obtivesse êxito nas peças, Jean precisou aprender um pouco do trabalho com a madeira.

Evelise Muncinelli

microempresas

Casal Ayelen e Jean transformou um espaço da casa em oficina e depósito dos produtos

“No começo, a gente tentou parceria com alguns marceneiros, a ideia era que eles fizessem as letras, porque era mais trabalhoso. Porém, um marceneiro que encontramos após fazer uma peça, preferiu recusar o trabalho dizendo que estava ‘cobrando muito barato’, como não podíamos deixar os clientes na mão, eu mesmo que tive que aprender a fazer”, relembra Jean Carlos.

Adentrando na cultura do “Do it Yourself”, ou, “Faça você mesmo”, o casal apostou no próprio talento e aceitou o desafio. Hoje, Jean compra as chapas de compensado de MDF já cortadas, moldes para os quadros e cofres, e faz com a ajuda de Ayelen, todo o trabalho de colagem, pintura, decoração e acabamentos.

“É cansativo, porém, a satisfação de fazer algo com as próprias mãos é gratificante, e isso reflete também no resultado final, porque o cliente sente que o que ele está levando é algo feito exclusivamente para ele, contendo todo o carinho do trabalho artesanal”, conta Ayelen.

Quer saber mais? Curta a página do Portal eMóbile no Facebook e fique por dentro do setor moveleiro.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

eMobile