Opiniões divergem sobre o varejo no dia dos pais

SPC Brasil e CNDL divulgam pesquisa pouco otimista e Sindilojas Porto Alegre e CDL Porto Alegre revelam expectativa positiva nas comemorações para o segundo domingo de agosto

Publicado em 25 de julho de 2014 | 14:15 |Por: Marina Werneck de Capistrano

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

De acordo com os registros do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e da CNDL (Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas), os comerciantes brasileiros estão pouco otimistas quanto ao resultado das vendas do Dia dos Pais deste ano, que será comemorado no dia 11 de agosto, e aguardam um crescimento tímido de 1% sobre as vendas do ano passado.

Nos anos anteriores, as expansões foram de 3,78% (2013), 4,75% (2012); 6,86% (2011) e 10% (2010). O resultado leva em conta as vendas parceladas realizadas na semana que antecede o Dia dos Pais, entre 3 e 10 de agosto.

Divulgação SPC Brasil e CNDL

SPC Brasil e CNDL Dia dos Pais

SPC Brasil e CNDL Dia dos Pais

Leia mais:
IBGE: Vendas no varejo variam 0,5%
Móvel Show antecipa as novidades para o Natal
São Paulo: mercado potencial na capital e no interior

Na avaliação do presidente da CNDL, Roque Pellizzaro Junior, a retração das vendas a prazo está sendo sentida pelos varejistas brasileiros que, no primeiro semestre de 2014, amargaram desacelerações em todas as datas comemorativas. “Este ano, a expectativa é de um crescimento de 1%. Apesar do incremento, estamos projetando um quarto do desempenho que tivemos no ano passado. Fatores como a alta dos juros, que encarece o crédito, e a inflação elevada, que corrói o salário do consumidor, são determinantes para deixar o brasileiro mais cauteloso”, explica.

Porto Alegre otimista

Já a pesquisa realizada pelo Sindilojas Porto Alegre e CDL Porto Alegre com consumidores da capital do Rio Grande do Sul mostra que o Dia dos Pais em 2014 deve ter crescimento de 8% nas vendas em relação a 2013. A expectativa é que a data gere um incremento de R$ 52 milhões no varejo da cidade em função da data.

“O Dia dos Pais será uma oportunidade para o lojista recuperar as vendas que foram perdidas com o fechamento de lojas durante a Copa do Mundo, além de ser uma data importante para renovar o relacionamento com os clientes e seus familiares, que nesta data procuram presentes para os pais”, afirma o presidente do Sindilojas Porto Alegre, Paulo Kruse.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

eMobile