Romera diversifica e inicia atividade industrial

Com meta de estar entre as cinco maiores redes varejistas do Brasil em rentabilidade, Romera inaugura em outubro fábrica de estofados

Publicado em 28 de setembro de 2015 | 10:36 |Por: Patricia Blümel

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

 

Divulgação Romera

Romera

Romera já atuava no Atacado com fornecimento para pequenos lojistas

A Romera Móveis e Eletrodomésticos está investindo R$ 1,5 milhão na primeira fábrica de estofados da marca, que será inaugurada em outubro. Localizada em Arapongas-PR, cidade sede da empresa, a nova unidade fabril marca a entrada da empresa no ramo industrial e terá capacidade inicial para produzir mil estofados por mês.

Segundo o diretor-executivo da empresa, Júlio de Lara, a diversificação faz parte da meta de estar entre as cinco redes varejistas do Brasil com melhor rentabilidade até 2030. Além da fábrica de estofados, a marca vai investir mais meio milhão de reais e inaugurar em março de 2016 a sua fábrica de colchões.

Leia mais:
– Como será o varejo nos próximos 10 anos?
– Região Norte ávida por novidades
– Tecnologia e tradição na nova linha de fogões Dako

Marina Gallucci/Revista Móbile

julio-lara-romera

Lara: “a diversificação faz parte da meta de estar entre as cinco redes varejistas do Brasil com melhor rentabilidade até 2030”

A Romera decidiu começar a produzir seus próprios estofados e colchões por questões logísticas e para reduzir os custos operacionais de frete. Como são produtos de grandes volumes, a empresa acredita que poderá diminuir em até 30% os custos desses itens se produzi-los perto dos seus pontos de venda.

Hoje, a rede possui 209 lojas e 14 centros de distribuição espalhados por sete Estados brasileiros. Se o projeto piloto de Arapongas comprovar as projeções desenhadas, Lara afirma que a marca vai instalar uma fábrica de estofados em cada Estado onde está presente.

Os estofados e colchões Romera serão produzidos exclusivamente para atender às lojas da marca. No prazo de dez anos, a empresa quer atingir a marca de 500 lojas próprias no Brasil. Segundo o diretor-executivo, essa meta será alcançada não apenas por meio do crescimento orgânico da marca, mas também por meio de aquisições de redes menores. Além disso, nos últimos 35 anos, o crescimento da empresa acompanhou a rota do agronegócio brasileiro. A partir de agora, a Romera passa a acompanhar também a rota da exploração mineral e da geração de energia limpa do País para avançar em sua expansão.

(Com informações da assessoria de imprensa)


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

eMobile