Grupo Manica: Estofados Bonfam cresce 15% ao ano

Parte do grupo Manica, estratégia da indústria é começar a fomentar novos mercados

Publicado em 6 de junho de 2014 | 17:00 |Por: Marina Gallucci

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Divulgação Manica

Grupo Manica

A Bonfam, fábrica do grupo Manica, está localizada em Corbélia, em uma área total de 45 mil m² e 9 mil m² construídos

O grupo Manica começou com uma loja no interior do Paraná e hoje tem 85 unidades no varejo, uma fábrica de móveis, além da atuação no e-commerce e transportadora própria. As frentes de negócio faturam mais de R$ 210 milhões ao ano e, entre as metas para 2013-2014, está a expansão em todas elas.

No caso da Bonfam, fábrica que, desde 2003, abastece as lojas próprias do grupo e atende o mercado do Paraná, principalmente, com cozinhas planejadas, a meta é tornar a companhia sustentável para ampliação. Confira a seguir entrevista com o fundador e diretor da empresa, Cezer Manica:

Portal eMobile – Há quanto tempo estão nesse mercado e que linhas produzem atualmente?
Cezer Manica – Produzimos estofados, cozinhas, roupeiros, estantes… São várias linhas produzidas na Bonfam, inclusive planejados em série. Nós estamos há 11 anos nesse negócio e começou meio sem querer, surgiu a oportunidade de adquirir a fábrica e achamos que dava para investir também nessa frente.

A produção é para abastecer a rede Manica ou também fornecem para outras lojas?
Manica – Com os estofados, no momento, abastecemos só as nossas lojas. Já com as cozinhas planejadas, entregamos também para clientes em Curitiba, Cascavel – nas regiões inteira desses municípios, assim como em muitas outras cidades do Paraná. Esse produto que a gente vende para fora – para outras lojas – é muito mais exclusivo, com linhas planejadas e moduladas. As linhas que colocamos nas lojas Manica são mais seriadas e tradicionais.

Leia mais:
Móbile Lojista: faça negócios em ano de Copa
Zaki Akel: “O varejo é para profissionais”
Entrevista: Mário Gazin analisa mercado e consumo no varejo

Quanto a indústria fatura e hoje e quais são seus planos de expansão?
Manica – Hoje nós estamos faturando cerca de R$12 milhões a R$ 15 milhões ao ano e em uma fase de 15% de crescimento anual, só nessa frente do grupo Manica. Nosso plano é melhorar a cada dia. Fizemos alguns investimentos esse ano, especialmente em maquinário, para conseguir manter essas taxas de aumento. Por enquanto, foram aplicados cerca de R$ 500 mil, é o que é necessário para esse ano. Mas para 2015, estamos planejamento investir R$ 1 milhão e meio, até R$ 2 milhões…

Qual a meta com esses investimentos?
Manica – O que está planejado até o final de 2015 é investir mais em estofados e nessa linha de roupeiros e cozinhas. Para aumentar essa produção dessas linhas e atender mais clientes. Já estamos colocando representantes para trabalharem nessa área, com três pessoas no estado inteiro [Paraná]  fazendo esse trabalho de conseguir de novos clientes. Para nós, é algo gradativo e a ser feito com calma.  Não adianta falar em aumentar muito a produção e, principalmente, clientes, e não conseguir concretizar. Para ter uma ideia, hoje, com nossas consumimos quase tudo que se fabrica de estofados, são muito poucos, nós nem divulgamos muito. Tem gente pedindo, mas estamos tranquilos. Então primeiro vamos buscar mercado, e depois vamos aumentar a capacidade para atendê-lo.

Na Móbile Lojista 307, Cezer Manica fala também sobre os planos para o varejo e outros números do grupo Manica. Confira gratuitamente por meio do aplicativo para tablets. Para baixar, basta acessar a App Store para iPad, ou o Google Play, para tablets com sistema Android. Aqueles que optarem por buscar o aplicativo diretamente em seus aparelhos devem procurar pelo termo “Revista Móbile”.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

eMobile