Estudo mostra perfil do buscador de crédito on-line

População jovem com idade entre 26 a 35 anos lidera o ranking na busca por crédito online

Publicado em 9 de março de 2016 | 15:15 |Por: Cleide de Paula

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

 

A procura por crédito on-line cresce em ritmo acelerado no país. Homens, mulheres, jovens e idosos estão a todo vapor na internet em busca de empréstimo pessoal. É isso que conclui um levantamento inédito realizado pelo Bom pra Crédito, site pioneiro em concessão de crédito no ambiente digital.

Segundo a pesquisa do Bom pra Crédito, homens e mulheres quase empatam na demanda por crédito on-line. Com 51,51%, o sexo feminino ultrapassa apenas 3% em relação ao sexo masculino, com 48,49%. O empate corrobora os dados do último censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em 2010, que revelaram que cerca de 40% das mulheres comandam os lares brasileiros.

Em relação à faixa etária, a idade entre 26 e 35 anos está em primeiro lugar, representando 38,24%, seguida de 36 a 45 anos, com quase 27%. O estudo aponta que o público com menos de 36 anos é o maior consumidor de crédito on-line, com 52,3% das buscas. Já os jovens entre 18 a 25 anos estão mais contidos, com apenas 14,12%.

De acordo com o CEO do Bom pra Crédito, Ricardo Kalichsztein, a população do mercado on-line é bem diversificada. “Há inclusive um público mais idoso entrando na internet em busca de empréstimo. Quase 9% da demanda por empréstimo no Bom pra Crédito têm mais do que 56 anos. São os novos aposentados”, destaca. Esse resultado evidencia um estudo do IBGE: de 2008 para 2013, o percentual de idosos que acessam a internet passou de 5,7% para 12,6%.

Das cinco regiões brasileiras, o público que mais procura crédito on-line está concentrado na região sudeste do Brasil com 61,55%. O Norte é a região com menor demanda por crédito, representando 3,81%. “Na região sudeste está a parte mais populosa e rica do Brasil, o que também justifica essa concentração”, esclarece Kalichsztein.

No levantamento, foi avaliada ainda a demanda de crédito on-line por distribuição de renda: Para o público que busca Empréstimo Pessoal com pagamento em Cheque, Boleto ou Débito em Conta, 95,13 % têm renda inferior a R$ 4.000. O estudo indicou ainda o início da semana como sendo o período de maior volume de buscas por crédito on-line. Terça-feira é o dia com mais acesso de buscas por crédito no ambiente digital, com 21,1%. Segunda, terça e quarta-feira concentram os maiores picos, com 58,2%. (com informações da assessoria de imprensa)


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

eMobile