Varejo se prepara para a Black Friday

Estipula-se que durante a Black Friday o faturamento seja de cerca R$1,85 bilhão, aumento de 42% em relação ao ano passado

Publicado em 26 de novembro de 2015 | 11:10 |Por: Pedro Luiz de Almeida

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

 

SHUTTERSTOCK

black friday

Consumidores planejam gastar em média até R$ 1.000,00 quase o dobro da média de 2014

Natal, presentes, amigo-secreto, renovar a casa, roupas novas, etc. Para muitos, o fim de ano é sinônimo de compras. Ainda mais se tratando de um ano onde as vendas do comércio não foram muito boas. Com a proximidade da famosa Black Friday, os consumidores têm se mostrados otimistas com a data, fato este, que pode ser a oportunidade das empresas darem um “up” no faturamento.

De acordo com pesquisas feitas pelas empresas Rebellion Digital e Conversion consultoria, cerca de 72% das pessoas planejam efetuar compras durante os dias de Black Friday, que deve se estender da tradicional sexta-feira (27), para o fim de semana (28 e 29). Deste número, a maioria pertence a classe C, que deve ser a mais engajada, com adesão de 88% dos representantes do seu grupo, conforme mostrou o levantamento.

SHUTTERSTOCK

black friday

47% dos consumidores pretendem comprar os presentes de fim de ano durante a Black Friday

No que se refere aos departamentos mais requisitados, o diretor de marketing da Rebellion Digital, Felipe Mendes, comenta: “Em 2014, os setores de interesse seguiam a ordem de: telefonia, eletrodomésticos, moda/acessórios, informática e eletrônicos. Já em 2015, a sequência foi modificada e as prioridades são: eletrônicos, eletrodomésticos, informática, moda/acessórios e viagens”.

Leia mais:
– Black Friday 2015 pode crescer 42% no e-commerce
– Black Friday terá adesão de 80% dos consumidores online
– Procon de olho na Black Friday

shutterstock

BLACK FRIDAY

96% Dos entrevistados disseram ter tipo experiências positivas durante a Black Friday de 2014

Quanto a Black Friday anterior (2014), a maioria das críticas por parte dos consumidores foram que as empresas não estavam praticando os descontos prometidos (até 80%). Com base nisto, outra informação levantada pelas pesquisas, diz que os consumidores estão mais otimistas quanto aos preços. A maioria realizará pesquisas e afirma que a compra será concluída desde que os descontos sejam reais.

Forma de pagamento
Uma vez que o carrinho de compras está completo, é hora de pagar a conta. Uma das formas de pagamento que está crescendo tem sido a opção por boleto bancário. Os principais motivos por este método são: Falta de cartão de crédito, maior segurança e descontos oferecidos para pagamento por boleto.

SHUTTERSTOCK

black friday

De acordo com o código de defesa do consumidor, juros de atrazo não devem ser superiores à 2% do valor total do boleto

Atento a isso, as empresas devem estar preparadas para oferecer este suporte aos seus clientes, e também saber calcular corretamente juros e taxas que se incidam sobre eventuais atrasos no pagamento.

Vale salientar, que caso os clientes se sintam lesados com promoções que não são verídicas e usadas de má fé, os consumidores podem tirar mais informações sobre seus direitos com o Procon.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

eMobile