Nichos aéreos da Masutti Copat criam cozinha colorida e funcional

Projeto assinado por Simone Afonso leva aconchego e organização a um cômodo de 12,17 m²

Publicado em 29 de novembro de 2018 | 17:14 |Por: Ricardo Heidegger

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Cada projeto arquitetônico nasce de um desafio diferente, seja por alguma exigência dos moradores, seja pela estrutura do imóvel. Em Vitória (ES), a arquiteta Simone Afonso precisou usar a criatividade para montar uma cozinha prática, funcional e organizada respeitando a principal exigência da família, evitar armários acima da bancada onde fica a cuba. Para isso, a profissional apostou em nichos aéreos da Masutti Copat que economizam espaço, organizam os itens e dão um charme a mais na decoração no cômodo de 12,17 m².

Divulgação Masutti Copat

Cozinha assinada pela arquiteta Simone Afonso

A proposta era garantir um ambiente funcional, claro, aconchegante, alegre e descontraído para os moradores, um casal de 45 anos com um filho de 15 anos e uma filha de seis.

Para isso, predomina a cor bege com tons subindo e descendo nessa paleta para criar uma atmosfera suave. O destaque foi dado com a cor amarela, que traz energia ao ambiente, além do amadeirado para transmitir aconchego.

A escolha dos revestimentos, todos da marca Biancogres, segue a mesma linha. Já na iluminação figuram plafons de LED no teto de gesso e fita de LED fixada abaixo do armário superior da bancada de apoio (sem cuba) para auxiliar na iluminação das tarefas. Quanto à solução para o não uso de armários sobre a bancada com cuba, a arquiteta e os moradores optaram por nichos organizadores componíveis.

“Tendo em vista a geometria da cozinha, a disposição dos elementos foi linear, visando a melhor dinâmica de uso. A necessidade do cliente impunha a inexistência de armários acima da bancada da cuba. Assim, optamos pelo uso de quatro módulos suspensos, nichos organizadores da Masutti Copat (escorredor de louças, porta-rolos, porta-detergente com bandeja e porta-condimentos), por serem uma solução prática, resistente e elegante”, explica.

– A importância de montar um planejamento estratégico para reduzir riscos

Formada desde 2012, a arquiteta Simone Afonso iniciou a carreira na área industrial, realizando projetos como vestiários, portarias de indústrias, laboratórios e outros. Ao longo do tempo foi se capacitando em arquitetura de interiores, incluindo pós-graduação em design de interiores: produção e ambientação do espaço, área na qual atua hoje, na grande Vitória (ES) e em Santos (SP).

(com informações de assessoria)


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

eMobile