Móbile Sob Medida: principal publicação do Brasil para profissionais da madeira

Relembre reportagem da Móbile Sob Medida sobre os 100 números com conteúdos relevantes, informando, orientando e transformando o dia a dia do marceneiro

Publicado em 20 de novembro de 2018 | 8:00 |Por: Portal eMobile

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

O profissional que evoluiu da carpintaria e transforma a madeira em objeto útil ou decorativo para os lares das famílias, ganhou em março de 2001 a maior publicação brasileira direcionada para o aperfeiçoamento de todo o setor sob medida. Com uma linguagem simples, didática e bem ilustrada nasceu a Móbile Sob Medida, novidade da Alternativa Editorial com a missão de instruir e orientar os marceneiros e colocá-los a par de inovações em matérias-primas, insumos, ferragens, máquinas e equipamentos que pudessem aprimorar os projetos de móveis.

A publicação da editora se juntou ao leque de revistas direcionadas aos diferentes mercados do setor moveleiro como a Móbile Lojista, para o varejo de móveis de todo o Brasil; a Móbile Decore para lojas de alta decoração; e a Móbile Fornecedores, direcionada aos fabricantes de móveis nacionais.

“Com conteúdo editorial/comercial endereçado a propostas de informação geral e formação técnica na utilização de máquinas, matérias-primas, ferragens e acessórios, a Móbile Sob Medida nasce com sucesso, porque atende forte sinalização deste mercado para a necessidade de um canal eficiente de comunicação, entre vocês marceneiros, seus fornecedores, distribuidores e revendas”, disse no editorial da primeira edição o diretor-presidente, Valcidio Perotti.

Surgimento da Móbile Sob Medida

A primeira edição da Móbile Sob Medida lançada no mês do Dia do Marceneiro (19/03), trouxe em sua capa a chamada da reportagem “De pai para filho” que falou sobre a tradição das marcenarias serem negócios familiares passadas de geração para geração. Essa foi só a primeira de um filão de reportagens que trataram sobre as peculiaridades e fatos relevantes do universo sob medida.

Com várias seções, a publicação inicial buscava orientar o marceneiro com matérias de gestão para a empresa, de “Passo a passo” para concepção de mobiliário diferenciado, de “Técnicas e aplicação” com dicas para o emprego de ferragens. Também houveram matérias práticas como a “Aprenda com a gente” para o desenho de móveis, e instrutivas como a “Como usar” com explicações sobre o uso de máquinas e equipamentos.

A cobertura das novidades e tendências de feiras internacionais de móveis também foi algo comum. Foi assim na primeira edição com a cobertura das feiras de Colônia, na Alemanha, e de Paris, na França, e é assim até hoje com a cobertura da feira de Milão, na Itália.

Divulgação Marcenaria Virmond

Móbile Sob Medida

Primeira edição da Móbile Sob Medida foi lançada no mês do Dia do Marceneiro (19/03)

É claro que as feiras nacionais também não ficam de fora e a segunda edição trouxe uma vasta cobertura da Fimma Brasil que preencheu as páginas com informações de diversos lançamentos em matérias-primas, ferragens e máquinas para o móvel e a marcenaria dos profissionais leitores. Já a edição de número três retratou as feiras alemãs Ligna e Interzum, levando conhecimento e soluções inteligentes do que acontecia lá fora para as marcenarias de todo o Brasil.

Evolução

Atenta às necessidades dos leitores e, obviamente, seguindo sua missão, nos anos seguintes a Sob Medida – além de seguir apresentando novas possibilidades no espaço “Novos Mercados” – criou seções como “Controle de custos” com dicas práticas e explicativas para o marceneiro poder dominar a contabilidade do negócio. A seção “Sua saúde” teve dicas para trabalhar com segurança no uso de máquinas e equipamentos.

Em 2004, com três anos no mercado, a Móbile Sob Medida foi a principal fomentadora da ForMar, a primeira feira especialmente para marceneiros que ocorreu dentro da ForMóbile, criada e organizada pela Alternativa Editorial. A divulgação e cobertura da feira foi grande e os profissionais que não puderam estar presentes em São Paulo para o evento, conferiram todos os lançamentos em produtos nas páginas da Sob Medida.

– Garantia dos móveis fortalecem relacionamento e garantem credibilidade à marcenaria

Consolidada como a revista do profissional de marcenaria do Brasil, a Móbile Sob Medida completou cinco anos em 2006. Naquela altura foram 32 números desde a circulação inicial em março de 2001. A publicação também estreou a seção “Tire Dúvidas” no qual apresentava dúvidas de marceneiros sobre determinados produtos que eram respondidos por empresas fornecedoras.

Outra grande novidade há dez anos atrás foi o Prêmio Top Móbile, organizado pela Alternativa Editorial/Revista Móbile, no qual os marceneiros puderam conhecer as marcas mais lembradas do setor moveleiro na categoria Fornecedores da Indústria.

Relevância

Ao longo dos anos seguintes, a publicação teve vários pontos altos no qual cabe destacar a edição especial sobre a ForMóbile 2008 que também levantou matéria sobre a Rua do Gasômetro. A seção “Marcenarias de Sucesso” apresentava um bate-papo com marceneiros que prosperaram em seus negócios e contavam vários detalhes que serviam de inspiração a outros profissionais. Nesta época a seção Projetos fazia a cabeça dos leitores com detalhes do mobiliário para diversos ambientes executados pelas marcenarias.

Divulgação Flexiv

Móbile Sob Medida

Móbile Sob Medida foi a principal fomentadora da ForMar, feira para marceneiros que ocorreu dentro da ForMóbile

O ano de 2010 contou com o Especial Marcenaria Prática, um guia completo com dicas e ideias de gestão para diminuir os custos do negócio. Em 2012, a Sob Medida mantém seu caráter de informação em primeira mão com reportagem ampla sobre a NR-12, para a segurança do trabalho em máquinas e equipamentos.

No ano seguinte, o compromisso com orientações práticas ao marceneiro e com a informação de novas tecnologias, puderam ser conferidas nas séries “Tecnologia: máquinas e equipamentos” e “Guia de Produção para o Marceneiro”. Neste ano de 2013 ocorreu a primeira edição de cobertura da edição independente da ForMar – Feira da Revenda e da Marcenaria.

Atualidade

O ano de 2014 iniciou com grandes novidades. A edição 83 marcou a primeira edição com novo projeto gráfico após o lançamento da revista em 2001. Com design limpo, elementos que complementam o texto e maior foco em infográficos, a revista também passou a circular com novo formato. Editorialmente a publicação também teve alterações pensadas na qualidade e na melhor forma de passar as informações aos leitores, frisando a melhor interpretação e qualidade na visualização do conteúdo.

O logotipo Sob Medida foi renovado e todas as mudanças voltadas para os novos hábitos de leitura, como novas fontes, paletas de cores, disposição de capa, chamadas e seções mais organizadas, foram realizadas com total foco do leitor marceneiro, mas também dos anunciantes.

Novas seções entraram em pauta com assuntos como marketing, economia, sustentabilidade, prospecção, manutenção e aplicação, além de maior foco em gestão e especiais técnicos de produtos. Na edição 91, pela primeira vez a revista trouxe uma grande análise das redes de revendas do Brasil, que com parceria e associação somam juntas quase 400 lojas.

Visão de quem anuncia

E uma destas redes de revendas, a Rede Pró, segundo a gerente de marketing, Vanessa Rivello, aponta a importância da publicação logo que foi lançada no mercado em 2001, em uma época de internet discada. “A realidade era de pouca troca de informações.

Antes da difusão da internet, a principal e talvez única fonte de informação dos marceneiros era por meio de mídia impressa e televisiva. A marcenaria é um nicho de mercado muito restrito e a Móbile Sob Medida tem uma importância fundamental, pois sempre alcançou os marceneiros ao longo das 100 edições com informação pertinente e acompanha a evolução do setor, o que é o verdadeiro diferencial da revista”, diz.

Para o gerente geral de vendas da América Latina da Homag, Alessandro Agnoletti, o grande diferencial da “Sob” é o conteúdo relevante e a clareza dos textos e matérias vinculadas por profissionais competentes. “Observamos que a Sob Medida está sempre preocupada em informar as tendências e soluções que o mercado brasileiro e mundial tem a oferecer para os marceneiros, ajudando-os assim, enxergar novas possibilidades, oportunidades e soluções para o sucesso do seu negócio”, diz o gerente.

Divulgação Marcenaria Virmond

Móbile Sob Medida

Sob Medida chegou em sua edição de número 100 em 2016

“A revista ganhou relevância e credibilidade junto aos profissionais devido a qualidade do conteúdo, levando sempre reportagens técnicas e de inovação a um público, muitas vezes, carente de informação. Além disso, a publicação sempre se preocupou com um padrão de qualidade o que leva a ser hoje um dos veículos mais importantes do setor”, enaltece o gerente nacional de trademarketing e CRM da Masisa, Alexandre de Carvalho.

Em 15 anos de Sob Medida, o mercado marceneiro mudou e evoluiu muito e para o diretor da Sayerlack, Marcelo Cenacchi, essa ascensão está em focar o principal diferencial que existe: fazer sob medida, especial, exclusivo e único. “O marceneiro tem percebido que fazer o que todo mundo faz não possibilita que consiga agregar valor ao seu trabalho. Deve buscar todas as tecnologias existentes para que possa se diferenciar e com isto valorizar o móvel que fabrica.”

“A Sob Medida tem contribuído ao reunir e publicar, numa linguagem adequada, todas as novidades e possibilidades que os marceneiros podem utilizar para esta profissionalização: cursos, matérias-primas e insumos, maquinário, etc.”, destaca.

Já a gerente de marketing da Formica, Eunice Monteiro, avalia a evolução nesse período foi de muitas mudanças de comportamento dos profissionais que passaram a ser pautados pela tecnologia e inovação, sendo por meio da revista que isso foi alcançado.

“Grande parte deste crescimento dá-se a oportunidade de conhecimento, por meio das feiras e canais de comunicação direcionados, como no caso da Móbile Sob Medida. Facilitou o acesso as novas máquinas e com condições de acessos facilitados, otimização de processos, recomendações dos fabricantes, lançamentos e novidades ao alcance do profissional da marcenaria”, exalta.

“O mercado marceneiro está cada vez mais versátil e atualizado e conta com profissionais qualificados, que estão atentos às principais tendências do setor. Tal evolução se deve à profissionalização e aos avanços tecnológicos, visto que este público têm se especializado para atender às exigências dos consumidores. Ter uma publicação voltada especificamente a eles garante o acesso a informações técnicas, além de trazer inspirações que aprimoram seu trabalho”, assinala a gerente de marketing e produto da Duratex, Renata Braga.

Opinião de quem lê

Assinante da Sob Medida há seis anos, o proprietário da Marcenaria Santi, de Botucatu (SP), Marcos Antonio Santi, declara que a revista motiva o profissional a buscar informações e capacitação profissional para poder atender a demanda do mercado. “A revista é importante, pois mantém informado e atualizado quanto às inovações do mercado, tendências, design, ferramental e máquinas”, assinala.

O proprietário da Imperial Móveis, Antonio Pereira da Silva, tem 25 anos no ramo de marcenaria e é assinante da Sob há cinco anos. Ao longo das edições nas quais ele leu, Silva, enxerga que a publicação é muito boa por ter matérias bem relevantes para os marceneiros e matérias de gestão que também ajudam muito. “Hoje o marceneiro não trabalha apenas com madeira, mas também com alumínio, com vidro, ou seja, é ferreiro, vidraceiro, isso é uma mudança grande porque ele se adaptou ao mercado pra oferecer melhores produtos. E a revista ajuda nisso, é muito grande a colaboração da revista”, afirma.

– Use um aplicativo de vendas para melhorar o desempenho da marcenaria

Marceneiro desde 1998, o dono da Madeirarts, de Cajazeiras (PB), Francisco Lacerda dos Santos, assinou a Móbile Sob Medida na ForMóbile 2008 e revela gostar demais da publicação. “Gosto das reportagens, sou fascinado por marcenaria e cada vez que aparece algo pra somar no que faço no dia a dia eu gosto e procuro buscar informação. E apesar de estar em uma região carente, as informações chegam aqui”, menciona.

Reportagem originalmente publicada na edição 100 da Móbile Sob Medida


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

eMobile