Criação do logotipo para marcenaria deve acompanhar a identidade visual

Segundo a consultora do Sebrae/PR, Fernanda Pesarini, o logotipo traduz a personalidade da empresa e o empresário deve criar algo que seja associado com o perfil da organização

Publicado em 20 de dezembro de 2018 | 8:00 |Por: Ricardo Heidegger

O que a sua empresa faz? Quais os seus valores? É confiável? Tem qualidade e profissionalismo? Estas são apenas algumas perguntas que o cliente potencial faz antes de contratar um serviço ou comprar um produto, e a primeira impressão que ele vai ter de uma empresa é através do logotipo e da identidade visual da mesma. Um bom logotipo para marcenaria representa não apenas os produtos e serviços, mas também fatores intangíveis como missão, valores e até podem indicar o preço e a forma de atendimento.

Segundo a consultora do Sebrae Paraná, Fernanda Pesarini, o logotipo para marcenaria, por exemplo, traduz a personalidade da empresa e o empresário deve criar algo que seja associado com o perfil da organização, do seu público-alvo e o tipo de produto ou serviço que comercializa.

O CEO da agência digital We Do Logos, Gustavo Mota, enfatiza que o posicionamento da empresa perante o mercado é um conceito que o proprietário de um negócio precisa ter bem definido e transmitir isso por meio de sua marca, pois é isso que faz o cliente se lembrar do seu negócio quando pensar em um produto do mesmo nicho.

Divulgação We Do Logos

Logotipo para marcenaria

CEO da agência digital We Do Logos, Gustavo Mota

“Se pensar em refrigerante, todos falam de Coca Cola, em sabão em pó, é Omo, e por aí vai. Isso mostra como as marcas investiram bastante na construção de sua imagem para se posicionar no mercado. Quando falamos de pequenos negócios, isso é muito mais importante, porque existem muito mais concorrentes dentro daquele mesmo nicho, então é importante criar uma marca que se destaque das outras. É muito importante que a empresa tenha algo simples, único, que a identifique individualmente, para que o consumidor se lembre dela no futuro”, explica Mota.

Primeiros passos

O acesso a ferramentas de criação está bastante popularizado, com aplicativos de desenho gratuitos e sites que oferecem um logotipo para marcenaria sem custo. Contudo, Este comportamento do “faça tudo sozinho”, pode ser um bom começo, mas não um bom hábito. A consultora do Sebrae enfatiza a importância de procurar uma assessoria para que a criação de uma marca e toda a identidade visual não pareça amadora, o que pode passar uma mensagem completamente oposta ao que a empresa quer comunicar.

Divulgação La Imagen

Logotipo para marcenaria

Consultora do Sebrae/PR, Fernanda Pesarini

“O importante é que toda identidade visual seja padronizada. Às vezes o empresário cria um cartão com o logo de uma forma, mas a fachada está com outra tipografia e dentro da loja essa identidade também não se comunica. Isso é ruim para a marca, não favorece o fortalecimento.”

“Se for fazer com uma empresa especializada, é preciso ter um conceito muito claro do que se quer passar e isso deve ser bem comunicado à empresa de criação, para que realmente essa logo represente tudo isso”, comenta.

Segundo Mota, a We Do Logos já ultrapassou a marca dos dois milhões de logos criados e 75% dos seus clientes estão lidando com um designer gráfico pela primeira vez. “Eu entendo que são negócios que atendem fases diferentes daquele empreendedor. De acordo com pesquisas que nós fazemos, no primeiro negócio do empresário ele mesmo faz a própria marca.”

“Se ele vai fazer usar um site gratuito, montar logo no Corel, é uma decisão dele. O que percebemos é que quando ele percebe que o concorrente dele está se destacando mais, quando ele precisa dar um ‘gás’ nas vendas, aí sim ele procura um profissional. O brasileiro empreendedor tem a característica de querer fazer tudo sozinho. Faz propaganda, faz site, lixa, pinta, faz tudo. E depois entende que é preciso profissionalizar”, complementa.

Conceito

Para que a marca transmita os conceitos da empresa, antes de tudo, o empresário deve ter tais mensagens bem claras para si mesmo, definindo o que faz e aonde quer chegar. Então, é preciso fazer algumas perguntas como: Quem são os meus clientes? O que eu quero que meus clientes falem de mim? Como eu quero que meus clientes falem de mim? Como que quero ser identificado entre eles? Com profissionalismo, modernidade, trabalhar com urgência? Qual o meu diferencial? Além do produto, do design, quais são os valores agregados?

“Se você quer passar segurança, a fonte será mais grossa. Se você quer passar tradição, vai fazer uma fonte serifada, se você quer passar leveza, usar fontes mais finas, e assim vai construindo a imagem a ser passada”, exemplifica Mota. Um bom logotipo para marcenaria reforça o nome da empresa e dos seus produtos ou serviços no mercado, fideliza e conquista clientes, além criar vínculos emocionais com os mesmos. É o que conecta a empresa ao seu público-alvo.

– Investir em móveis silenciosos e ferragens com amortecimento é diferencial

“É um conjunto de fatores que a marca vai representar se o empresário tiver esses conceitos bem definidos e realmente entregar o que está se propondo, toda a confiança, credibilidade, design, ajudando o cliente a resolver o seu problema, e a logo vai representar esse conjunto, mas só a logo sozinha não faz milagre, é preciso cumprir”, alerta Fernanda.

Reportagem originalmente publicada na edição 103 da Móbile Sob Medida


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

eMobile