Cortecloud apresenta solução para reduzir sobras de painéis

Acúmulo de materiais na marcenaria pode diminuir com novo o recurso de frações de chapa para centrais de serviço

Publicado em 26 de novembro de 2018 | 8:00 |Por: Portal eMobile

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Por mais que o projeto de mobiliário tenha suas medidas otimizadas, o acúmulo de sobras de chapas na marcenaria parece inevitável, e quanto mais cresce o seu estoque, maior é o valor monetário de material “parado” na fábrica de móveis. O Cortecloud lançou há poucos dias a funcionalidade “fração de chapa” que tem o potencial de reduzir as sobras em projetos de mobiliário, terceirizados em centrais de serviço.

A idéia é simples. Suponha que uma marcenaria eficiente utilize apenas algumas peças de um determinado painel. Neste caso o Cortecloud realiza a otimização em uma fração da chapa (e não em uma chapa inteira, como é o padrão) para apresentar o orçamento ao marceneiro, reduzindo assim as sobras levadas para a marcenaria e consequentemente o valor total do pedido.

A central de serviço fica com a outra fração do painel, que pode ser comercializada tanto no balcão quanto em outros serviços de corte, borda e furação. Para o marceneiro, nada de sobras de chapa na marcenaria.

A venda de chapas fracionadas – obtidas com um plano de corte otimizado – permite a revenda ser mais competitiva no orçamento apresentado ao marceneiro, sem precisar diminuir o preço do painel, devido à redução da quantidade de material utilizado para realizar o serviço.

O mesmo ocorre na venda de varejo, onde o comprador, buscando reduzir as sobras de chapas na marcenaria, pode adquirir uma fração no balcão da loja ao invés de uma chapa inteira, reduzindo o valor gasto com o material. Assim a revenda ajuda o marceneiro a economizar, sem precisar diminuir o preço da matéria-prima vendida.

O gerenciamento de estoques, restrição do espaço físico e escolha de quais materiais deverão ser vendidos de forma fracionada são pontos importantes, porém não impeditivos, na adoção deste modelo. Cada revenda deve avaliar suas restrições físicas, condições de armazenagem de material e processos logísticos internos para a adoção total ou parcial, deste modelo de comercialização em seu mix de painéis.

Atividades de terceirização no setor moveleiro vem ganhando força no mercado nacional, tornando a atividade de pequenas fábricas de móveis com atuação regional mais competitiva, devido ao crescente número de centrais de serviço e investimento das mesmas em maquinário e tecnologia.

Este artigo foi produzido pela Cortecloud


2 respostas para “Cortecloud apresenta solução para reduzir sobras de painéis”

  1. RENATA YURI disse:

    GOSTEI E GOSTARIA DE SABER MAIS….

  2. irineu dias de castro disse:

    onde encontro fraçoes de chapa ??

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

eMobile