Acabamento fosco é possibilidade para revestimento dos móveis

Tendência está em voga no mercado moveleiro brasileiro e se destaca por proporcionar conforto pelo toque suave e acetinado ou aveludado das peças

Publicado em 3 de agosto de 2017 | 11:00 |Por: Thiago Rodrigo Pereira da Silva

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

O acabamento fosco nos móveis é uma possibilidade no revestimento do mobiliário que tem aparecido, com cada vez mais frequência, na Europa e também apresenta demanda crescente no Brasil. Trata-se de um acabamento especial que fornece visual e toque singular aos móveis, com a sensação de laca fosca nos padrões unicolores e a naturalidade da madeira nos padrões madeirados.

Assim, os fornecedores de painéis de madeira, tintas e superfícies poliméricas tem apostado nessa tendência que tem uma complexidade alta de produção. O acabamento fosco nos móveis pode ter diferentes versões como um “super matte” (ou superfosco) sendo um fosco total, até um acetinado com brilhos variáveis.

“Tudo depende das variáveis de brilho. Geralmente, os mais foscos (super matte) variam o brilho entre 5% a 25%, como é o caso dos acetinados, que estão mais presentes em nosso mercado. O acabamento fosco pode ser visto no mercado hoje em diversos acabamentos”, diz a gerente de produto da Eucatex, Maria Luisa Prieto.

Opções
Para o acabamento fosco nos móveis, a Eucatex tem duas linhas. O Matt Plus com toque aveludado da madeira no BP e a Lacca Cetin, com acabamento levemente acetinado e toque suave nos painéis em laca da companhia. A Rehau tem o Rauvisio Sky, superfície polimérica com nível de brilho extremamente baixo, desenvolvido para revestimento de móveis de alto padrão, sendo a primeira opção de superfície polimérica superfosca para o mercado brasileiro. Enquanto a Sayerlack oferece o acabamento Soft Touch que, como um acabamento de alto padrão, garante conforto e beleza e resistência química ao risco e ao impacto, além de fácil limpeza.

“A pintura laqueada fosca garante sucesso para os móveis, tanto no quesito técnico quanto na beleza. Ela proporciona acabamento uniforme nas peças, sem emendas ou outros detalhes que ficariam aparentes com outros tipos de pintura. Além disso, a laca preenche e apaga qualquer imperfeição que a madeira possa ter e assegura que o móvel apresente um acabamento uniforme sem manchas”, explica o diretor da Sayerlack, Marcelo Cenacchi.

Divulgação Eucatex

acabamento fosco nos móveis

Eucatex oferece o acabamento na linha Lacca Cetin e também em painéis BP

Com toque aveludado e fácil limpeza, o acabamento fosco nos móveis promove maior naturalidade na madeira, desde tons claros aos tons médios e castanhos. O gerente de novos negócios da Rehau, Maiquel de Carvalho, ressalta que a sobriedade do acabamento superfosco permite a combinação com praticamente todos os outros acabamentos presentes no mercado moveleiro.

“É uma superfície que dentro da alta decoração pode tomar o papel de protagonista, ou trabalhar em conjunto com outras superfícies para criar um mobiliário com um caráter próprio e personalizado. Além disso, é muito fácil de limpar e manter na casa do consumidor”, salienta.

Onde aplicar
O acabamento fosco nos móveis pode ser aplicado em diversas partes. Um acabamento mais acetinado vai bem em todos os ambientes da casa, enquanto os madeirados BP ficam combinam com cores tanto em lacas alto brilho como em lacas acetinadas. Assim, basta-se respeitar os usos de cada revestimento. “Para as laccas sempre recomendamos uso vertical. Para os painéis BP pode ser tanto uso vertical como horizontal”, diz Maria Luisa.

iStock

acabamento fosco nos móveis

Efeito natural com acabamento fosco, estilo apontado pela Sayerlack

Cenacchi, da Sayerlack, acrescenta que o acabamento fosco “possui resistência térmica, resistência química e a riscos, o que minimiza os desgastes causados por atrito. Os acabamentos fosco, são indicados para móveis de madeira em ambientes internos como: sala, quarto, cozinha, graças a grande impermeabilidade que proporciona na superfície da madeira. E em exteriores em móveis de jardim”, diz.

Já Carvalho, da Rehau, afirma que a linha Rauvisio foi desenvolvida para ser a superfície de acabamento final do móvel residencial ou comercial. Seu uso pode ser aplicado principalmente em frentes e portas de mobiliário, além de tamponamento de móveis ou como painel de parede.

Como aplicar
A superfícies Rauvisio da Rehau foram desenvolvidas para serem de fácil processamento. “Não exigem maquinário especial no corte ou aplicação de borda. Por serem materiais que são fornecidos com aplicação de película protetora, permitem que o fabricante trabalhe com o produto como ele trabalha com qualquer outro material, seja ele um marceneiro ou uma grande indústria”, destaca o gerente da empresa.

Acabamento matte cada vez mais presente no mobiliário

Para a aplicação do acabamento fosco com as tintas da Sayerlack, o preparo do insumo é um ponto importante para garantir seu aproveitamento e o bom acabamento. “Deve-se ler atentamente as indicações de catálise e diluição e respeitar rigorosamente o processo descrito na embalagem ou no Boletim Técnico. E para evitar desperdícios o ideal é preparar sempre a quantidade necessária para utilizar naquela demão, assim o marceneiro não desperdiça e nem perde a mistura”, salienta o dirigente da Sayerlack.

Tendência passageira?
Acabamentos diferenciados são uma grande tendência no mercado não só do mobiliário, mas da decoração dos espaços atuais. Ultimamente, o consumidor procura superfícies que surpreendam não só pela aparência, mas também pela textura ao toque. E, mesmo que qualquer tendência seja cíclica, terá seu momento de protagonismo e depois dará espaço para outras novidades.

acabamento fosco nos móveis

Acabamentos Soft Touch da Sayerlack apresentam toque sedoso/aveludado além de excelente resistência à riscos

“Todavia, o produto superfosco é uma tendência que chega para ficar por muito tempo no mercado já que é um produto bastante flexível e que permite ser utilizado junto com outras superfícies para o acabamento do mobiliário”, acredita Carvalho.

Maria Luisa, da Eucatex, enxerga que esse acabamento veio para ficar por um bom tempo. “Pela sua versatilidade em diversas combinações de cores e materiais”, considera. Tanto é que a empresa lançou, recentemente, cinco novas cores na linha Lacca Cetin: Azul Arquipélago, Verde Noronha, Rosa, Champanhe e Grafite Intenso. “Hoje temos todas as possibilidades no móvel como totalmente fosco, móveis mesclando lacas de alto brilho com lacas e painéis BP acetinados ou mattes.

Opiniões compartilhadas por Cenacchi, da Sayerlack. “A laca fosca é um acabamento que veio para ficar, ela tem sido o principal destaque. As milhares de opções de cores aliadas às inúmeras possibilidades de texturas e brilhos têm possibilitado um oferta extremamente variada que valoriza e confere sofisticação e aconchego ao ambiente”, enaltece o diretor.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

eMobile

Acompanhe o emobile nas redes sociais

Linkedin
Facebook