Xylexpo acontece no mês de maio, em Milão

Quase chegando ao seu cinquentenário, feira italiana busca fomentar melhorias em processos produtivos e relacionamento com a mídia

Publicado em 4 de maio de 2014 | 17:02 |Por: Jorge Mariano

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Divulgação Xylexpo

Xylexpo 2012

Evento, que terá em maio sua 24ª edição, promete trazer novidades ao setor

A feira bienal Xylexpo já tem data marcada para a próxima edição: 13 a 17 de maio, no pavilhão da Fieramilano, em Rho, nos arredores de Milão (Itália). A anterior, realizada em 2012, contou com 43 mil visitantes, 31 mil m² de área e 515 expositores. Para esta de 2014 são esperados 450 expositores em 30 mil m² de área para exibição. A feira vai ocorrer em um momento de recuperação da economia internacional e de crescimento do mercado mundial de móveis (sobre isso, leia reportagem na página 18).

Para este ano, o retorno das empresas Biesse, Cefla, Casadei-Busellato, Elmag Superfici e CMS Group-Balestrini como expositoras deve movimentar a mostra, que será dividida em quatro setores: uma área ao ar livre contemplará máquinas para indústria florestal e madeira bruta; os corredores 1 e 3 darão lugar a equipamentos para trabalhos com painéis e superfícies; o corredor 2, maquinário para madeira sólida, e o corredor 4, equipamentos para processamento de madeira, engenharia, design e construção civil.

Leia mais:
– Ciff e Xylexpo estão na temporada de feiras internacionais
– Xylexpo: Prêmio de inovação inclui comunicação e produtos
– Novidades da indústria incluem programas governamentais

Em coletiva de imprensa realizada no início do ano, o diretor da Associação Italiana de Fabricantes de Máquinas e Equipamentos para Madeira (Acimall), entidade organizadora da Xylexpo, Dario Corbetta, mostrou números de edições anteriores e previsões para a feira deste ano, além de trazer informações sobre o mercado de madeira na Itália. De acordo com ele, no ano passado o país contabilizou 270 indústrias fabricantes de equipamentos para trabalho com madeira, empregando 9 mil funcionários e exportando cerca de 80% de sua produção. Ainda de acordo com a apresentação, o mercado de equipamentos para madeira italiano obteve um crescimento de 4,8% no número de pedidos no último trimestre do ano passado.

Mídia
Segundo o presidente da Acimall, Lorenzo Primultini, a edição deste ano da Xylexpo terá um suporte mais amplo para a mídia especializada e provará mais uma vez sua importância no calendário mundial de eventos do setor. “Temos orgulho da feira e de seu claro papel de ser uma vitrine mundial do mercado de equipamentos para trabalho com madeira”, disse.

Confira essa reportagem completa na edição 260 da revista Móbile Fornecedores.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

eMobile