Setor moveleiro registra alta de 12,9% na produção de agosto

As exportações brasileiras chegaram a US$ 414,5 milhões entre os meses de janeiro e agosto, resultando em uma alta de 6,6%

Publicado em 20 de outubro de 2017 | 16:54 |Por: Ricardo Heidegger

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Segundo dados levantados pelo Iemi – Inteligência de Mercado, o setor moveleiro obteve uma alta na produção de móveis na transição do mês de julho para agosto. Em volume, a produção industrial apresentou um aumento de 12,9%. Em relação ao período anual, o setor registrou uma queda de 0,1%, mesmo com a crescente significante na produção. A receita da indústria em valores nominais, avançou em 13,0% no mês, e 5,3% no ano.

– Artecola Química inaugura planta na Colômbia

O emprego nas indústrias do setor moveleiro apresentou uma queda de 0,8% no mês de junho, e apresentou mesma tendência na comparação atual, apresentando baixa de 2,0%. A produtividade média do setor ganhou corpo, apresentando um aumento de 7,4% no mês, e a variação positiva de 1,6% na base do ano.

Vendas no varejo
Em relação as vendas no comércio varejista de móveis, o volume de peças avançou em 0,4%. Desde janeiro, o setor moveleiro obteve recuo de 7,7% em seu volume físico, e de 1,5% nos seus valores nominais, em relação ao mesmo período de 2016.

Divulgação Iemi

Indicadores do Setor Moveleiro em Agosto

Desempenho do mercado de móveis em agosto de 2017

Comércio exterior
Em relação a balança comercial da indústria de móveis, as exportações brasileiras atingiram o expressivo número de US$ 414,5 milhões entre os meses de janeiro e agosto. A alta registrada é de 6,6% em relação ao mesmo período de 2016. Já as importações somaram US$ 409,7 milhões durante o ano, mostrando uma alta de 6,0%. O levantamento também leva em consideração assentos para veículos, móveis, colchões e partes para assentos e móveis.

Divulgação Iemi

Indicadores do Setor Moveleiro em Agosto

Balança do comércio exterior

O relatório elaborado com números que demonstram o andamento do setor moveleito, é realizado pelo Iemi, em parceria com a Associação das Indústrias de Móveis do Rio Grande do Sul (Movergs), levando em base o relatório conjuntural mensal Termômetro Iemi. A pesquisa é complementada por meio de consultas à fontes secundárias como o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Confederação Nacional da Indústria (CNI) e Secretária do Comércio Exterior (Secex).


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

eMobile