Placas do Brasil inicia produção de MDF em março de 2018

Mais de 70% da construção foi concluída e produção comercial deve iniciar em março de 2018

Publicado em 25 de outubro de 2017 | 7:00 |Por: Érica da Costa Diniz

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

A Placas do Brasil S/A será a primeira fábrica de painéis de MDF do Espírito Santo. Construída no município de Pinheiros, a 156 km do polo moveleiro de Linhares, e produzirá painéis de MDF cru e revestido. A paineleira foi criada com iniciativa do Sindicato da Indústria de Madeira e Móveis de Linhares e Norte do Espírito Santo (Sindimol), de parcerias junto ao Governo do Estado e investimentos de mais de 40 empresários, iniciará sua produção comercial em março de 2018.

Segundo o presidente do Conselho Administrativo da Placas do Brasil S/A, Luís Soares, a construção da nova planta fabril está se desenvolvendo conforme o planejado, apesar de alguns pequenos atrasos decorrentes do processo de importação dos equipamentos e as inesperadas chuvas de inverno. “Nós estamos empenhados em produzir a primeira chapa em fevereiro de 2018, mas ainda não definimos a data de inauguração da fábrica. A obra já superou 70% na curva de progresso físico, estamos na fase de montagem eletromecânica. Assim, podemos afirmar que faltam menos de 30% para a sua conclusão”, destaca.

Divulgação Sindimol

Sindimol - Sindicato - Presidente Ademilse Guidini

Para Guidini, presidente do Sindimol, a fábrica permitirá maior competitividade para as indústrias moveleiras de todo o estado

Foram investidos R$ 473 milhões – sendo R$ 393,5 milhões na indústria e R$ 80 milhões na construção da base florestal – entre 45 acionistas. A Placas do Brasil tem uma área de florestas de eucaliptos plantadas de mais de 18 mil ha.

A produção do MDF de eucaliptos atenderá, inicialmente, a demanda do polo moveleiro de Linhares, que possui uma demanda de mais de 12 mil metros cúbicos de painéis de MDF ao mês. A produção estimada será de 25 mil m³/mês.

Placas do Brasil

A nova fabricante de painéis é um dos maiores investimentos realizados no Estado nos últimos anos e sua localização representa uma oportunidade de descentralização da economia e dos investimentos do Estado. O empreendimento surgiu de um sonho antigo do polo, que deseja ter o abastecimento de sua principal matéria-prima no próprio Estado.

“A fábrica é uma ação de extrema importância tendo em vista que se trata da nossa principal matéria-prima, que atualmente vem de grandes distancias como São Paulo, Minas Gerais e Paraná, gerando altos custos com frete que impactam diretamente no preço final de nosso produto e, consequentemente, na nossa competitividade”, pontua o presidente do Sindimol, Ademilse Guidini.

A expectativa de Guidini é que as fábricas do polo moveleiro de Linhares tenham a oportunidade de comprar um produto a um preço mais acessível. O presidente aponta que, atualmente, o custo de aquisição da chapa de MDF tem sido elevado em função do frete pago pela distância que o polo está dos principais fabricantes de painéis de madeira.

– Começa a construção da fábrica de painéis

“Caso isso se concretize, temos a certeza de que estaremos diante de um ‘divisor de águas’, um novo momento para a indústria moveleira não só de Linhares, mas de todo o Espírito Santo. Assim como acreditamos que a implantação da Placas do Brasil atrairá, também, indústrias de outras regiões para nosso polo, fortalecendo e desenvolvendo o arranjo produtivo local de móveis da nossa região”, completa.

Espírito Santo

Para Soares, a fábrica é de fundamental importância para o estado. “Está alinhada com o planejamento estratégico de interiorização do desenvolvimento do Espírito Santo e por estar localizada no extremo norte do estado, região com o menor IDH, irá contribuir para a consecução dessa estratégia”, afirma.

Confira entrevista exclusiva na época do lançamento da obra

A empresa pretende empregar 150 funcionários na indústria e aproximadamente 450 nas atividades de silvicultura, colheita, transporte de matéria-prima e produto acabado. O processo seletivo da empresa está sendo realizado em todo o País tanto para vagas de níveis gerenciais quanto para vagas operacionais. Em ambos os casos, a empresa busca profissionais experientes para posições chaves, associado ao treinamento de mão de obra e regional em parceria com o Senai do Espírito junto ao Senai do Paraná.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

eMobile