Placas do Brasil S/A fala sobre fábrica de MDF no Espírito Santo

O empreendimento será instalado no município de Pinheiros e deverá movimentar toda cadeira moveleira do Estado

Publicado em 24 de junho de 2016 | 11:58 |Por: Júlia Magalhães

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

No início de junho, a Placas do Brasil S/A lançou a pedra fundamental da construção da primeira fábrica de MDF do Espírito Santo (ES). O empreendimento será instalado no município de Pinheiros, em um terreno de 660 mil m² e deverá movimentar toda cadeira do Estado. A previsão do término das obras é de 18 meses, com início das operações em janeiro de 2018.

Segundo o presidente do conselho de administração da empresa, Luis Soares Cordeiro, a cadeia de madeira e móveis é uma das atividades econômicas que mais empregam no Espírito Santo, com destaque para o arranjo produtivo de Linhares que concentra as indústrias seriadas. Confira entrevista exclusiva ao Portal eMobile com Luis Soares Cordeiro.

Portal eMobile – Qual a importância do empreendimento para o Estado capixaba?
Luis Soares Cordeiro – Faz todo sentido uma indústria de placas no Estado para dar maior competitividade a toda esta indústria. O Local onde esta sendo instalada a indústria é convergente com a agenda de desenvolvimento proposto pelo Governo do Estado, além de ser estratégica em razão da localização as margens da BR 101 e da proximidade com os produtores de madeira.

Divulgação Placas do Brasil S/A

Placas do Brasil S/A

Luis Soares Cordeiro é presidente do conselho de administração da Placas do Brasil S/A

Quanto está sendo investido no empreendimento e quantos empregos a fábrica deverá gerar?
Cordeiro – Serão investidos no projeto R$ 388 milhões na parte industrial com recursos próprios dos Acionistas e financiamentos pelo Banco do Brasil com recursos da Sudene-FDNE e o Banco Alemão LBBW com recursos do Euler Hermes – Organismo do governo Alemão de incentivo a exportação dos equipamentos a serem aplicados na linha de processo. Além destas fontes de recursos, temos mais R$ 80 milhões sendo aplicados na parte florestal. Recursos esses financiados em parte diretamente pelos produtores e outra parte pelo Banco do Brasil e SICOOB com recursos da linha ABC – (Agricultura de Baixo Carbono) do BNDES.

A fábrica de MDF será autossustentável? Como irá funcionar? Há base florestal?
Cordeiro – Filosoficamente, a empresa tem nas parcerias sua sustentabilidade. Umas das principais parcerias é com o silvicultor. Temos nossa base florestal pulverizada com mais de 200 contratos de compra futura, e com todas as metas colocadas pela cia absolutamente em dia. Somos uma ótima opção de renda ao produtor rural. De uma maneira simples, garantimos a compra da madeira ao nosso parceiro e acompanhamos desde a elaboração do projeto ambiental, se for o caso, o projeto de financiamento, e a tecnologia no campo para garantir a melhor performance.

Que placas a fábrica deverá produzir? Há projeções de produção mensal? Irá atender somente o estado do Espírito Santo?
Cordeiro – Iremos produzir o MDF , tanto cru quanto o revestido, nossa fábrica está projetada para 300 mil m³ ano, e teremos capacidade para atender toda demanda do ES, e exportar o excedente para o estados vizinhos.

Divulgação Placas do Brasil S/A

Placas do Brasil S/A

Evento do lançamento da Pedra Fundamental da Placas do Brasil S/A foi realizado no dia 10 de junho

Como se deu a iniciativa do projeto?
Cordeiro – O projeto nasceu de no âmbito Sindicato das Indústrias da Madeira e do Mobiliário de Linhares e Região Norte do ES (Sindimol), este foi o grande articulador e difusor da ideia. E a razão é que as indústria do ES são abastecidas por indústrias principalmente de São Paulo e do Sul do Pais, tornando o custo logístico muito alto para este que o principal insumo da indústria Moveleira. Foi com um estudo preliminar elaborado por um grupo de empresários ligados ao Sindimol que foi possível constituir o grupo de acionista da Placas do Brasil S/A.

Quem é o Grupo Placas do Brasil?
Cordeiro – Um grupo heterogêneo de empresários do ES, que congrega em sua maioria empresários ligados a cadeia de madeira, móveis ou distribuição, que enxergaram uma grande oportunidade de investimento ao atuar em conjunto.


Uma resposta para “Placas do Brasil S/A fala sobre fábrica de MDF no Espírito Santo”

  1. João Arlei Lopes Nunes disse:

    Olá boa tarde .
    é com imenso prazer que deixarei meu comentário , pois já trabalho a mais de 18 anos com fabricas de MDF, são especialista em produto acabado , Tipo Qualidade do produto .
    Acabamento (lixadeiras ) do MDF Banda Largas.
    Linhas de Revestimento BP.
    Desenvolvimento de Padrões Brancos e Madeirados Papel Melaminico.
    vasto Conhecimentos nas Texturas de aplicações Revestidos..
    meu Contato (91) 98241 5882 TIM.
    Arlei Nunes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

eMobile

Acompanhe o emobile nas redes sociais

Linkedin
Facebook