Pesquisa do Iemi aponta alta na produção de móveis em agosto

Os números compõem a pesquisa mensal Desempenho do Mercado de Móveis do Instituto de Estudos e Marketing Industrial (Iemi)

Publicado em 21 de outubro de 2016 | 20:17 |Por: Pedro Luiz de Almeida

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

O Instituto de Estudos e Marketing Industrial (Iemi) divulgou o balanço Desempenho Mercado de Móveis do mês de agosto. A pesquisa do Iemi apontou que a produção de móveis em volume do setor moveleiro teve alta de 14,6% comparada ao mês anterior. Isso após a produção ter recuado 4,6% no último relatório divulgado. No entanto, no acumulado do ano, o setor teve queda de 13,4%. Demais índices analisados, como vendas no varejo e emprego industrial apresentaram, novamente, saldos negativos.

Reprodução/ Desempenho do Mercado de Móveis - Agosto/2016

pesquisa do iemi

Em valores nominais a receita da indústria cresceu 13,7% no mês e acumula queda de 4,0% no ano

O estudo Desempenho do Mercado de Móveis compreende dois tipos de comparativos. O primeiro é feito com base no desempenho do mês da pesquisa com seu anterior, neste caso: agosto/julho. O segundo leva em consideração os saldos de todos os meses para fazer um acumulado no ano, posteriormente, se compara com o mesmo período do ano anterior. A metodologia é aplicada em três cenários: Produção, Varejo e Emprego e Produtividade.

Vendas e Emprego
Em agosto, as vendas do comércio varejista de móveis recuaram 5,6% em volume de peças, e 5,7% em receitas. No acumulado deste ano, o segmento da pesquisa apresenta recuo de 12,8% em volume e de 9,7% em valores.

Apesar da alta na produção de móveis, a taxa de emprego na indústria moveleira teve retração de 0,5% em agosto, e no ano recuo de 3,9%. Segundo a pesquisa do Iemi, a produtividade média do setor também teve dados positivos, 10,7%, contudo, ainda acumula baixa de 10,5% em 2016.

Leia mais:
Segundo Ipea, crise começa a perder o fôlego 
– Conheça a aposta do Iemi para a exportação nacional 
Iemi lança relatório Brasil Móveis 2016

Comércio Externo
No que se refere à balança comercial da indústria de móveis, as exportações nacionais foram de US$ 388,8 milhões no acumulado de janeiro até agosto deste ano. O valor representa -2,6% no comparativo com igual período de 2015. Já as importações somaram US$ 386,5 milhões no ano, queda de 25,5% sobre o acumulado janeiro a agosto de 2015. Com estes resultados a balança comercial do setor moveleiro registrou superávit de US$ 2,3 milhões no ano de 2016.

Quer saber mais? Curta a página do Portal eMóbile no Facebook e fique por dentro do setor moveleiro.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

eMobile

Acompanhe o emobile nas redes sociais

Linkedin
Facebook