Móvel sustentável: a origem dos produtos Häfele

Desenvolvimento do sistema LED Loox e conector Minifix auxiliam a indústria moveleira no processo de produção verde

Publicado em 26 de dezembro de 2016 | 10:00 |Por: Cleide de Paula

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

 

Atualmente, o Grupo Häfele possui seis unidades fabris, cinco localizadas na Alemanha e uma na Hungria. Em todas as suas plantas, a Häfele segue os mais altos e rigorosos padrões ambientes de produção europeus. As unidades alemãs trazem um enfoque especial nesta questão.

hafele-minifix

A invenção do Minifix, pela Häfele, em 1983, permitiu que as indústrias moveleiras aperfeiçoassem as sua produção, e consequentemente, beneficiou o meio ambiente, uma vez que o transporte e a armazenagem foram facilitados

A analista de comunicação da Häfele, Fernanda Rodrigues, cita como exemplo, a fábrica da Häfele em Berlin. “Essa planta é responsável pela produção de nossos conectores, e que, no final do último ano, obteve do governo alemão a certificação DIN EN ISO 50001, atestando a sua eficiência energética. Tal certificação já foi recebida anteriormente pelo Grupo Häfele, porém em sua planta localizada em Velbert, na qual acontece a produção dos sistemas deslizantes comercializados pela empresa. Assim, todo o processo produtivo da Häfele conta com técnicas e processos que visem uma produção limpa, sem desperdícios e eficiente em diferentes aspectos”, destaca Fernanda.

De acordo com a analista, o Grupo Häfele busca sempre desenvolver soluções que contribuam para uma vida mais confortável e, consequentemente, mais sustentável. “Assim, em 1983, com o desenvolvimento do conector Minifix, a empresa impulsionou o desenvolvimento de móveis “RTA” (ready-to-assemble). Com isso, houve uma consequente diminuição do espaço de armazenamento necessário pela indústria moveleira”, explica.

Divulgação Häfele

Häfele

O LED permitiu a criação de luminárias com design compacto, porém com grande eficiência energética

A solução facilitou o transporte, permitindo um maior número de itens seja transportado de uma única vez, visto que a área ocupada por um móvel desmontado é bem menor. Por fim, houve uma economia na utilização de recursos energéticos, visto que a utilização do Minifix facilita o processo produtivo.

Outra forma encontrada pela Häfele para auxiliar a indústria moveleira neste processo de produção verde foi o desenvolvimento do sistema LED Loox. “Por meio deste recurso, é possível converter cerca de 40% da energia elétrica em luz, enquanto uma lâmpada incandescente comum converte apenas 5%. Assim, o consumo final da primeira chega a ser 80% menor do que o da segunda, e cerca de 30% menor se comparado à lâmpada fluorescente”, esclarece Fernanda Rodrigues.


Os comentários estão desativados.

eMobile