IEMI: Desempenho mercado de móveis – Out. 2016

As vendas no comércio varejista de móveis avançaram 5,7% em volume de peças e também nas receitas no mês de outubro de 2016. Já no ano, de janeiro a outubro, mercado de móveis teve recuo de (-)13% em volume e de (-)10,4% em valores

Publicado em 16 de dezembro de 2016 | 10:56 |Por: Cleide de Paula

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

 

Varejo, Produção e Emprego:
Vendas no Varejo:
As vendas no comércio varejista de móveis avançaram 5,7% em volume de peças e também nas receitas no mês de
outubro de 2016. Já no ano, de janeiro a outubro, o setor teve recuo de (-)13% em volume e de (-)10,4% em valores.
Produção Industrial:
A produção de móveis, em volume, apresentou alta de 2,1% no mês de outubro, no acumulado do ano de 2016 o setor
teve recuo de 12,6%. Em valores nominais a receita da indústria cresceu 2,0% no mês e (-)4,0% no ano.
Emprego e Produtividade na Indústria:
O emprego na indústria de móveis apresentou diminuição de (-)0,4% no mês de outubro e de (-)4,7% no acumulado no
ano. A produtividade média do setor aumentou no mês de outubro, em 2,7%, porém queda de (-)10,2% no ano.

indicadores-moveis-outubro-2016

Comércio Externo: Em relação à balança comercial da indústria de móveis, as exportações brasileiras foram de US$ 493,1 milhões no acumulado do ano (Jan/Out) de 2016, recuo de (-)1,9% em relação ao mesmo período de 2015. Já as importações somaram US$ 499,1 milhões no ano, queda de (-)22,5% sobre o acumulado janeiro a outubro de 2015. Com estes resultados a balança comercial do setor moveleiro registrou déficit de US$ 6,1 milhões no ano de 2016.

comercio-externo-indicadores-mercado-de-moveis-outubro-2016


Os comentários estão desativados.

eMobile