Impactos do design sustentável na indústria moveleira

Confira tudo que você precisa saber sobre design sustentável e os impactos causados na indústria moveleira

Publicado em 22 de outubro de 2018 | 12:36 |Por: Thiago Rodrigo Pereira da Silva

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Nos dias atuais, é imprescindível manter a atenção voltada à sustentabilidade, o que independe do âmbito mercadológico. Por esse prisma, as indústrias têm investido cada vez mais em projetos e propostas ecológicas, a fim de diminuir os impactos no meio ambiente. No setor arquitetônico, o design sustentável tem se tornado uma tendência cada vez mais presente, uma vez que tem atraído diversos clientes que fazem parte do movimento, demonstrando preocupação com o próximo.

Popularmente conhecido como ecodesign, o conceito faz uso de metodologia aplicada para desenvolver produtos e materiais, de acordo com os princípios sustentáveis. Neste sentido, a prática sustentável supre não somente os quesitos básicos de consumo, mas também proporciona mudanças na sociedade, o que envolve a modificação de padrões de produção atrelados ao mercado. Ou seja, o design sustentável motiva a compra de móveis alternativos e inovadores, com matéria prima que não possui impacto negativo no meio ambiente.

Design sustentável na indústria moveleiraDeste modo, a ferramenta sustentável deve ser usada como uma maneira de transformar o pensamento enraizado na indústria do consumo, uma vez que desenvolve práticas e noções que agregam valor ao mercado, permitindo o desenvolvimento de um ambiente adequado para a criação sustentável de novos móveis.

Vantagens do design sustentável

As empresas que já reconhecem a importância da responsabilidade social entendem o conceito da prática sustentável. Entretanto, algumas organizações não compreendem o impacto que a construção sustentável pode gerar, especialmente para o bolso de quem empreende no setor.

Confira algumas das vantagens da sustentabilidade na indústria moveleira
– Baixo custo devido ao reaproveitamento de materiais:
– Ajuda a preservar o meio ambiente;
– Reforça o conceito positivo e passa credibilidade ao consumidor;
– Mercado em constante desenvolvimento e expansão;
– Agrega valor ao produto e à empresa / marca;

O reaproveitamento de materiais é um dos principais fatores para a fabricação de novos móveis sustentáveis. Além disso, a prática gera muita economia para o setor fabril, inclusive durante a produção. Ademais, o descarte irregular de materiais é evitado, garantindo, assim, a preservação do meio ambiente. Por fim, a empresa que implementa o design sustentável melhora a imagem frente ao mercado competitivo, podendo ser um grande diferencial.

Impacto do design sustentável na indústria

Empresas que não pautam projetos sustentáveis possuem fortes chances de perder espaço no mercado, já que a conscientização tem feito parte cada vez mais das discussões sociais. Grandes organizações já tiveram suas imagens comprometidas por conta da participação de produções tóxicas à natureza, como a emissão de poluentes, o descarte de materiais ou, até mesmo, o uso de madeira não legalizada – o que constitui um crime ambiental. Portanto, o design sustentável possui forte impacto diretamente na imagem da empresa, algo que pode erguê-la ou afundar a mesma.

Comportamento da indústria moveleira

Por conta do aumento da preocupação social quanto à origem dos móveis, a indústria moveleira precisou se adaptar a esse conceito. Devido à conscientização – algo extremamente positivo – a produção de móveis mudou drasticamente, a fim de não receber multas ou perdas produtivas.

Design sustentável na indústria moveleiraNeste sentido, as empresas que conseguem produzir com maior sustentabilidade têm boas chances de alavancar a presença no mercado em busca da melhor colocação em vendas e apoio público para continuar em funcionamento.

Sendo assim, as ações sustentáveis representam uma realidade emergente nas indústrias produtoras de móveis. Além do mais, é preciso salientar que essas ações envolvem tudo, desde o reuso da água até a presença de matéria prima exclusiva ao design sustentável.

Móveis sustentáveis

Na arquitetura, a recepção de móveis sustentáveis tem sido positiva, uma vez que, cada vez mais as pessoas têm se conscientizado sobre a importância da preservação do meio ambiente. Entretanto, os consumidores precisam manter a atenção voltada às falsificações que surgem no mercado.

Indústria de móveis planejados emprega mais de 25 mil pessoas

No mesmo sentido, o selo de qualidade deve ser verificado com antecedência pois, assim, a certeza da origem e composição do objeto será garantida. No mercado, produtos como mesas, roupeiros, estantes e painéis para televisão já são vendidos com selo de sustentabilidade. Geralmente, a matéria prima usada na composição dos objetos é a madeira de reflorestamento.

Características do móvel sustentável

Em poucas palavras, a peça sustentável pode apresentar algumas características comuns, como a presença de lascas de madeira, vestígios de alguns resíduos usados na produção e até mesmo pregos ou outras evidências que comprovem que a madeira já foi usada anteriormente.

Por fim, o design sustentável é a união de produção e práticas que vão assegurar a durabilidade e resistência de cada móvel, a fim de inviabilizar o descarte irregular no meio ambiente. Assim, o consumidor não precisará se preocupar com a deterioração rápida, podendo aproveitar os benefícios de cada objeto por muito mais tempo. Afinal, tanto a indústria quanto o comprador e, especialmente, o meio ambiente, saem ganhando.Design sustentável na indústria moveleira


Os comentários estão desativados.

eMobile