IEMI: desempenho do mercado de móveis em novembro

Pesquisa mensal Desempenho do Mercado de Móveis do Instituto de Estudos e Marketing Industrial (Iemi) registra alta na produção de móveis, em volume; no acumulado do ano de 2016 o setor teve recuo de 11,8%

Publicado em 16 de janeiro de 2017 | 11:23 |Por: Phaenna Assumpção

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Vendas no Varejo
As vendas no comércio varejista de móveis avançaram 17,4% em volume de peças e 18,0% nas receitas no mês de novembro de 2016. Já no ano, de janeiro a novembro, o setor teve recuo de (-)12,5% em volume e de (-)10,1% em valores.

Produção Industrial
A produção de móveis, em volume, apresentou alta de 8,9% no mês de novembro, no acumulado do ano de 2016 o setor teve recuo de 11,8%. Em valores nominais a receita da indústria cresceu 10,7% no mês e (-)3,3% no ano.

Emprego e Produtividade na Indústria
O emprego na indústria de móveis apresentou diminuição de (-)0,5% no mês de novembro e de (-)5,1% no acumulado no ano. A produtividade média do setor aumentou no mês de novembro, em 7,9%, porém queda de (-)9,1% no ano.

tabela 1 iemi novembro

Comércio Externo
Em relação à balança comercial da indústria de móveis, as exportações brasileiras foram de US$ 493,1 milhões no acumulado do ano (Jan/Out) de 2016, recuo de (-)1,9% em relação ao mesmo período de 2015. Já as importações somaram US$ 499,1 milhões no ano, queda de (-)22,5% sobre o acumulado janeiro a outubro de 2015. Com estes resultados a balança comercial do setor moveleiro registrou déficit de US$ 6,1 milhões no ano de 2016.

tabelo 2 iemi novembro

Relatório elaborado pelo Instituto de Estudos e Marketing Industrial (Iemi) com o apoio da Associação das indústrias de Móveis do Estado do Rio Grande do Sul  (Movergs), com base no relatório conjuntural mensal Termômetro Iemi, complementado por consultas a fontes secundárias (IBGE, CNI, Secex e outros).

(com informações da assessoria)

Quer saber mais? Curta a página do Portal eMóbile no Facebook  e fique por dentro do setor moveleiro.


Os comentários estão desativados.

eMobile