IBGE: Emprego na indústria registra queda de 0,7%

Quinze dos dezoito ramos da indústria pesquisados pelo IBGE reduziram percentual de pessoal ocupado na comparação de maio deste ano com o mesmo período de 2013

Publicado em 14 de julho de 2014 | 11:48 |Por: Renata Bossle

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

No mês de maio, o emprego na indústria caiu 0,7% em comparação a abril, de acordo com dados divulgados na última sexta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), na Pesquisa Industrial Mensal – Emprego e Salário (Pimes). É a segundo maior queda do indicador, que já havia recuado 0,4% na passagem de março para abril.

Na comparação com maio de 2013, a queda do pessoal ocupado na indústria foi ainda maior: 2,6%. Houve baixa no emprego industrial em 13 dos 14 locais pesquisados pelo IBGE, com destaque para São Paulo (-3,7%), Rio Grande do Sul (-3,8%), Paraná (-4,0%) e Minas Gerais (-2,1%).

Leia mais:
– Mercado de poliéster deve ultrapassar US$ 110 bilhões
– Indústria registra nova queda nas horas trabalhadas
ForMóbile obtém selo sustentável

Quinze dos dezoito ramos da indústria pesquisados pelo IBGE reduziram percentual de pessoal ocupado na comparação de maio deste ano com o mesmo período de 2013. Os principais recuos foram observados nos segmentos de produtos de metal (-7,4%), calçados e couro (-7,9%), meios de transporte (-4,3%) e máquinas e aparelhos eletroeletrônicos e de comunicações (-6,1%).

O emprego na indústria acumula quedas de 2,2%, no ano, e de 1,7%, em 12 meses. Segundo a pesquisa, também houve recuo (0,8%) na quantidade de horas pagas, de abril para maio deste ano. Em relação a maio de 2013, a queda foi 3,3%; no acumulado do ano, 2,7%, e em 12 meses, 2%.

Por outro lado, a folha de pagamento real da indústria cresceu 1,9% de abril para maio. Na comparação de maio deste ano com o mesmo período do ano passado, o crescimento foi 1,4%. As altas acumuladas na folha de pagamento são 1,7%, no ano, e 0,9%, em 12 meses.

(com informações da assessoria de imprensa)


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

eMobile