Co-creation Talk aborda conceito ‘Transformação’ da Interprint

Evento da empresa realizado no Design Post trata das nuances da criação de décors e apresenta o Six Pack 2017

Publicado em 19 de maio de 2017 | 16:27 |Por: Thiago Rodrigo Pereira da Silva

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Durante a Interzum 2017, a Interprint apresentou a designers e indústrias moveleiras do Brasil e do mundo o Co-creation Talk. O evento realizado no Design Post Cologne – ao lado da Kolnmesse onde é realizada a Interzum – reuniu cinco renomados designers de indústrias de móveis internacionais para dar um insight sobre o design de interiores, para comentar o novo conceito da empresa e as tendências para dos estilos de vida das pessoas.

Sob o mote “Transformation” eles abordaram como está o design de interiores em tempos de mudanças. Os designers alemães Jochen Flacke, Thorsten Keissner e Peter Kern, Atilla Kuzu (Turquia) e Luca Tormena (italiano) foram convidados para o “co-creation” ministrado por Salvatore Figliuzzi e Maurizio Burrato, responsáveis pela equipe de design da Interprint.

Thiago Rodrigo/Revista Móbile

Co-creation Talk Interprint

Na ordem, os designers Maurizio Burratto, Luca Tormeni,Atilla Kuzu, Peter Kern, Thorsten Keissner e Jochen Flacke junto a Salvatore Figliuzzi

Com a estratégia de “co-creation” (co-criação), a Interprint estabelece um novo curso para o design de décors. “Estamos vivendo em uma época de mudanças e transformações, em uma sociedade aberta”, pontuou Figliuzzi.

Na visão do designer Peter Kern, as mudanças sociais são, para o design, a coisa mais importante. “Design é realmente influente em muitas coisas”, disse. O turco Atilla Kuzu enxerga que a tecnologia é uma ferramenta importante para o design e também o influencia.

“A tecnologia influencia nossas criações de design e vemos isso com os telefones realmente dominando a vida”, disse. “Penso que a tecnologia é muito importante porque transforma todas as coisas”, frisou.

Thiago Rodrigo/Revista Móbile

Co-creation Talk Interprint

Décors expostos no Design Post

Transformação
O tema da nova coleção da Interprint de décors para o revestimento de móveis obviamente foi tratado pelos designers. Segundo o italiano Luca Tormena, o desafio que os designers têm é o de pegar a transformação que acomete a sociedade e transformar em um produto. “A transformação está relacionada às tendências e conectadas com a inovação”, falou.

Como na tendência “non_conform” observada pela Interprint, Figliuzzi ressaltou que o que não é perfeito também é bom e, de acordo com Kuzu, “não é tão fácil criar algo imperfeito”. Kern enxerga que o design tem que ser perfeito e usável. “A imperfeição é uma tendência que reage à desmaterialização”, abordou.

Thiago Rodrigo/Revista Móbile

Co-creation Talk Interprint

Convidados puderam interagir com as possibilidades de combinações com os padrões destaques de cada conceito

Já Tormena analisou que o cliente pode ser uma nova tendência e indicou para os convidados presentes para estarem perto dos seus clientes. Já Buratto apontou que a co-criação (co-creation) significa que o valor é aberto e flexível.

Tendências
Como pode-se ver na Interzum (confira a cobertura completa na edição 281 da Móbile Fornecedores e no Painel Moveleiro 19), “há muitas pequenas tendências”, frisou Kern, “e um número grande de ideias podem ser coletadas”. “Criar uma superfície de laminado é mais do que isso para a Interprint. Para a próxima tendência, nós sentimos algo, mas há algo que apresentamos para o cliente, ele pode gostar apenas alguns anos depois. Por isso é sobre o sentimento que influencia nós”, destaca.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

eMobile

Acompanhe o emobile nas redes sociais

Linkedin
Facebook