​ForMóbile 2016: Häfele ensina como driblar falta de espaço

Publicado em 28 de julho de 2016 | 9:06 |Por: Cleide de Paula

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

 

O estande da Häfele Brasil na 7ª ForMóbile Feira Interacional de Fornecedores da Indústria Madeira e Móveis conta com um loft de apenas 32 m². Pensado para um jovem solteiro, o projeto do estúdio contém tudo o que um apartamento normal tem, não deixando nada a desejar. Assim, soluções para quarto, sala, cozinha e home office são apresentadas como opções inteligentes e criativas para driblar a falta de espaço.

O projeto materializa o conceito “Mais vida por metro quadrado” e prioriza a área de circulação. A luminária posicionada abaixo do armário da cozinha conta com um sensor capacitivo, que reconhece o calor do corpo humano e acende e apaga de acordo com a aproximação.

O dispositivo traz ainda a função de dimer. Para melhor aproveitamento de espaço há uma mesa deslizante sobre a pia. Para facilitar a limpeza do ambiente, há um rodapé aspirador. Assim, basta varrer a sujeira para próximo do equipamento e ligá-lo para que sugue os resíduos. Para melhor aproveitamento dos cantos foram acrescentadas prateleiras giratórias em metal.

Leia mais:

ForMóbile 2016: Häfele lança áudio integrado para móveis e ambientes

Häfele comemora resultados de ações de relacionamento

Häfele destaca as tendências em ferragens para móveis

O mecanismo funciona de forma semelhante a um aspirador de pó, tendo um saco que pode ser facilmente removível após ficar cheio. Ainda na cozinha, há a lixeira embutidas, armário alto com divisórias internas.

Na área da sala, foram inseridas bandejas de armazenamento acoplada ao rack. Nesse móvel, há uma mesa expansível e um gaveta se transforma em banco.

Uma das propostas da Häfele é mostrar que as ferragens também podem ser usadas em móveis soltos. Um exemplo disso é a mesa rack com rodinhas multifunção.

Um módulo instalado no meio do studio permite ocultar a TV sob o móvel e acionar o mecanismo para posicioná-lo em várias direções. A instalação é facilitada pelo uso da torre elétrica para TV.

Para acomodar confortavelmente uma visita e não deixá-la dormir no sofá, atrás do estofado há cama adicional embutida.

Como a ideia é valorizar a área de circulação, a cama de casal, quando não está em uso, fica oculta posicionada verticalmente dentro do roupeiro. Outro destaque é o sistema de som presente no roupeiro que é integrado ao sistema de iluminação. O MDF reverbera o som que funciona por meio de Bluetooth.

Carlos Oliveira, coordenador de Treinamentos da Häfele Brasil, esclarece que o que determina o uso da ferragem é a necessidade de dimensão e peso a ser suportado pelo movimento.

Segundo ele, o uso correto de ferragens permite tornar os móveis mais funcionais. “Com a popularização dos ambientes reduzidos, qualquer área de armazenamento é bem-vinda. O Studio visa mostrar que é possível acomodar todas as necessidades de uma casa de forma inteligente”, ressalta.

O roupeiro traz em seu interior, calceiro, gaveteiro e uma sapateira giratória para até 50 pares. Em outra extremidade, há gavetas aramadas para acondicionar roupas que podem ficar dobradas. Para facilitar a localização do item desejado, as gavetas são transparentes. O acabamento da peça está disponível nas cores preta e branca. As gavetas passaram por uma melhoria para ampliar a estabilidade do amortecedor. Isso facilitou ainda mais o abrir e fechar.

 


Os comentários estão desativados.

eMobile

Acompanhe o emobile nas redes sociais

Linkedin
Facebook