Prêmio Design Movelpar tem 33 produtos classificados

Iniciativa da Movelpar 2019 destaca a importância estratégica do design para atender às expectativas de inovação e funcionalidade do consumidor e a competitividade da indústria

Publicado em 27 de fevereiro de 2019 | 14:00 |Por: Thiago Rodrigo Pereira da Silva

A primeira edição do Prêmio de Design Movelpar, lançado no final de 2018, contou com a inscrição de 53 produtos por 30 empresas moveleiras expositoras do evento. Para a fase final foram classificados pela curadoria do prêmio 33 produtos, sendo 23 na categoria Médias e Grandes Empresas e 10 na categoria Sebrae/APL de Móveis, totalizando a participação nesta etapa final de 24 empresas. A qualificação foi considerada diferencial pelos organizadores tendo em vista que 63% dos produtos inscritos estão classificados para a fase final.

“O resultado foi muito significativo. É um prêmio destinado às indústrias e que destaca o trabalho dos designers inseridos neste mercado. Isso mostra que as empresas do setor moveleiro estão valorizando ativos como custo, funcionalidade e sustentabilidade que dependem da boa interação com os designers”, afirma o coordenador do prêmio, Nilson Violato.

Segundo ele, o maior ganho da Movelpar está sendo o incentivo para a prática do design na indústria moveleira. “A Feira mostra que está olhando para o amanhã, para a qualidade e para a competitividade do setor, estimulando a valorização do design no mobiliário. A necessária customização dos produtos para se adaptarem aos imóveis de menor tamanho é uma realidade e o design tem um papel importantíssimo na elaboração de produtos que atendam às necessidades deste consumidor”, ressaltou.

Para a curadora do Prêmio de Design Movelpar, Mônica Barbosa, tanto a participação quanto a premiação farão com que as empresas se sobressaiam no mercado. “Ficou claro o movimento que as empresas expositoras da feira realizaram para se qualificarem ao Prêmio, desenvolvendo departamentos de design ou contratando designers para se tornarem colaboradores do negócio na definição e lançamento de suas coleções. Começamos a entrar numa reta de profissionalização da indústria brasileira do setor para que tenhamos um mercado competitivo internacionalmente, e que atenda aos anseios dos consumidores brasileiros. Esse prêmio vai movimentar ainda mais o entendimento, a percepção e a necessidade do uso do design no negócio da indústria moveleira”, sentenciou.

Julgamento do Prêmio Design Movelpar

O júri que irá analisar os finalistas, de acordo com Violato, será um diferencial no apontamento da qualificação do design que atenda o varejo do setor e o interesse do consumidor. “Vamos contar com pessoas renomadas que qualificarão esta análise e darão um novo impulso para a visão da indústria rumo à valorização do design. Nomes como Paulo Alves, especialista no uso da madeira, Lívia Pedreira, que dirige a Casa Cor, maior mostra de arquitetura, design de interiores e paisagismo das Américas, e Ivo Pons, arquiteto, designer, professor e pesquisador da Universidade Presbiteriana Mackenzie, irão agregar muito neste debate sobre o design na indústria moveleira”, destaca.

Compradores poderão participar das rodadas de negócios

O julgamento das peças e a premiação dos vencedores acontece nos dias 18 e 19 de março. Os critérios envolvem inovação e produção (grau de inovação e viabilidade da produção); funcionalidade (usabilidade e ergonomia); estética (apelo emocional e ambientação); e sustentabilidade e responsabilidade (uso consciente dos recursos). Cada uma das oito modalidades da categoria Grandes e Médias Empresas será premiada do 1º ao 3º lugar. A categoria Sebrae/APL de Móveis também premia os três melhores projetos.

Além de Mônica Barbosa, reconhecida como a voz do design no Brasil, o Prêmio também conta com a curadoria de Marcos Batista, apresentador do programa Inova360 na Record News, no quadro “Design & Inovação”. O Prêmio de Design Movelpar tem o apoio da Abimóvel – Associação Brasileira das Indústrias do Mobiliário – e da Apex Brasil (Agência de Promoção da Exportação do Brasil), e patrocínio da Berneck.

(com informações de assessoria)


Os comentários estão desativados.

eMobile