Interprint realiza Furniture Days 2014

Alemã Interprint realiza evento em que visitantes participam de atividades que buscam explicar como funciona o design de ambientes

Publicado em 24 de novembro de 2014 | 15:52 |Por: Jorge Mariano

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Pelo oitavo ano consecutivo, a Interprint recebeu empresas em sua sede na cidade de Arnsberg, na Alemanha, para mais uma edição do Furniture Days, workshop promovido pela marca que busca trabalhar o design de diversas maneiras. O tema para 2014 foi Into Spaces (Por dentro dos espaços, em tradução livre). 175 empresas foram até o evento, 35 a mais que no ano passado, e puderam experimentar como um ambiente se desenvolve no espaço e como as pessoas alcançam os limites de sua percepção.

Divulgação Interprint

inter2

Workshop busca trabalhar percepção do design e dos ambientes

Parte da popularidade do evento vem do adiantamento de tendências e troca de informações que ocorrem durante as dinâmicas realizadas. De acordo com informações da empresa, a fama do Furniture Days cresceu muito nos últimos sete anos e a data é amplamente comentada por membros dos setores moveleiro e de derivados de madeira.

Leia mais:
Design latino e escandinavo no Radar Móbile
Fórum de design é gratuito e vai até dia 30
Confira a Móbile Decore 108

Durante o workshop Into Spaces, os visitantes conheceram toda a Interprint para entender a maneira como cada pessoa percebe o espaço. Cada visitante teve a oportunidade de passar por diversas estações e entender algumas questões: onde um espaço começa e onde termina? A qual ambiente ele pertence? Quando você se sente confortável no local?

Divulgação Interprint

inter4

Executivos da empresa orientam os visitantes durante o processos

A Interprint define que o trabalho com espaço é o que move a companhia e seus parceiros a partir do desenvolvimento de elementos que dão vida a esses locais. A questão que permeou todo o workshop foi como criar ambientes que deixem as pessoas confortáveis. Pesquisas da marca mostram que a tendência é criar projetos com atmosferas leves que, em um futuro próximo, devem ficar marcadas com elementos do design escandinavo.

Os novos padrões madeirados mostraram que o tipo de acabamento da superfície pode ser mais importante que o tipo da madeira. O foco foi em efeitos 3D e em superfícies trabalhadas à mão, resultando em visuais distintos e expressivos, mas preconizando o elegante em vez do rústico. Cores claras predominaram, com alguns toques de cinza e azul. Veja uma galeria com imagens do evento deste ano:

Confira no vídeo como foi a edição de 2013, com o tema Points of View:


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

eMobile