Dia Nacional do Design, ocasião para valorizar a importância dessa ferramenta

Design é imprescindível para todos os tipos de negócios

Publicado em 5 de novembro de 2015 | 12:12 |Por: Cleide de Paula

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

 

Podemos não perceber, mas o Design, em suas várias atuações, nos impacta diariamente. Por meio de metodologias próprias, o Design é uma área de estudo destinada a resolver problemas e a criar respostas para manifestar, de forma tangível, um novo produto, serviço ou modelo de negócio.

Hoje, 5 de Novembro, é o Dia Nacional do Design. A data foi instituída em 1998 em homenagem a Aloísio Barbosa Magalhães (Recife PE 1927 – Pádua, Itália 1982), defensor do design no Brasil. Neste dia, nós da Alternativa Editorial e do Portal eMobile reconhecemos a importância em se valorizar profissionais, estudantes, empresários e todos os que vivem o Design no Brasil.

Marta Manente Tecchio, designer e colunista do blog Alternativa Criativa, defende que um bom design garante competitividade no mercado porque propicia uma imagem diferenciada. “E é por isso que, cada vez mais, empresas precisam procurar soluções em design para tornar seus produtos mais exclusivos e parceiros do consumidor”, ressalta. Para Marta, o design industrial alia, além do visual, funções diferenciadas, matérias-primas corretas, ergonomia e até mesmo o custo adequado.

Leia mais:

Semana Design Rio propõe democratizar o acesso ao design
Trajetória de Sergio Rodrigues em palestra no RJ
Prêmio Salão Design 2016 tem três novos jurados

imagem com texto parabéns a todos os designers
De acordo com o Sebrae, o design é uma ferramenta imprescindível para empresas de todos os portes e segmentos. Não é um “artigo de luxo” que só as grandes podem alcançar. É um investimento de ótimo custo-benefício que pode trazer resultados importantes para as empresas em diversos níveis.

Contudo, no Brasil, o Design é, ainda, uma profissão que carece de regulamentação. No final de outubro, a presidente Dilma Rousseff vetou o projeto de lei nº 24, de 2013 (nº 1.391/11 na Câmara dos Deputados), que trata da regulamentação do exercício profissional de designer. Confira o manifesto da Coolhunter e Trend Analyst, Fah Maioli, sobre essa questão.

 


Os comentários estão desativados.

eMobile